Inglês a falar russo

O FIM DE PUDINISLAND

2020.10.24 15:36 Vl4dimirPudim O FIM DE PUDINISLAND

Ok, sei que Pudinisland verso já deu o que tinha que dá, e como tudo na vida tem um fim, vim dar um fim digno a Pudinisland, do jeito que ele começou, com uma história... Antes de resumir a história de Pudinland aqui, quero agradecer todos que participaram, todos que leram, todos que gostaram, ao André que tornou tudo isso possível. Vcs me fizeram muito feliz, falo não como Vladimir Pudim, mais como o Lucas por trás do Vladimir Pudim, guys obrigado mesmo S2 vcs fizeram meu ano mais feliz. Cazum seria muito pedir para vc ler a história toda?
Resumindo Pudinisland
Era uma vez um arquipélago tropical no Pacífico, Que ficou isolado por milhões de anos até virem os primeiros colonizadores, os Egípcios, não se sabe muito como e por ele vinheram, mais se saber o que eles fizeram, uma pirâmide e contato com alienígenas, foi isso que eles fizeram. Milênios depois, chega a Pudinisland o explorador inglês, lorde Bacon, que por assistente chega lá, ele conseguiu falar com os nativos egípcios que falavam perfeitamente o inglês por motivos desconhecidos, após a volta de lorde Bacon para a Inglaterra, a UK descide tomar a força o arquipélago por sim, matando todos os Egípcios da ilha, transformando ela numa prisão para para irlandeses. Porém muitos russos vinheram para a ilha após a descoberta de minérios de vodka, um desses milhares de russos era rasputin, um mago que fazia magia negra, ele não gostava dos irlandeses, então ele traz a vida seus maiores pesadelos, rasputin cria os gnomos e outros seres fantásticos como lontra, afugentando todos os irlandeses da ilha. Os russos ficaram o noroeste da ilha, os gnomos ao sul e os descendentes dos ingleses e egípcios ao Nordeste. Um general Inglês, chamado teemotio faz a dependência de Pudinland e se torna o imperador de toda Pudinisland, mais seus descendentes não souberam gonvernar e aos poucos houve pequenas revoluções. Os russos ficaram independentes e formaram o Império Russo 2, os gnomos extremista fizeram a primavera Gnomistica e os gnomos oprimidos tiveram uma revolução nacionalista. Após anos de paz Mitiguer sobe ao poder na ditadura nacionalista dos gnomos, em fim ele atacou os gnomos extremista, e atacou o Império russo, e o recém formado Estados de Renatinho entraram a favor da Rússia, dando início a 1°guerra Gnomistica, na aqual milhões morreram e Mitiguer quase ganhou. Após a guerra várias guerras civis começaram, como a guerra dos texugos, o surgimento da U.L.I.P e a guerra de tarkov, porém tudo andavam em paz entres os principados. Porém um dia o principe André III foi sequestrado por gnomos extremista, e um homem entrou em cena o capitão Vladimir Pudim, que liderou os piratas russo para salvar o principe André III, anos depois Vladimir assume a presidência de Rússia 2, e descide por um fim nós ataques dos gnomos extremista, porém os estados Gnomisticos vê isso como afronta, dando início a 2° guerra Gnomistica, vencida pela Rússia. Após a guerra houve a criação da ONP e do estado satélite dos gnomos, que se tornaram um fantoche russo 2. A paz reinava novamente? mais havia uma perigo eminente, a descoberta do cazum00 e dos multiversos, batalhas e mais batalhas que desencadearam na maior batalha, mais de 500 milhões de soldados, de todas as nações de Pudinisland se juntaram, e conseguiram derrotar cazum00 de uma vez por todas, porém Isso custou muito, milhões de pessoas morreram e todas as grandes cidades foram evaporadas, as pessoas passaram a viver em bankers e a ONP deu um golpe de estado, tomando o controle de Pudinland, a ONP era controlada secretamente pela Zero, uma organização terrorista ligado ao cazum00, eles queriam a máquina de ressuscitação Dos gnomos, usada na 2° guerra Gnomistica, para ressuscitar rasputin, mais eu a escondi, fui dado como inimigo público, fui caçado em toda Pudinisland, então durante anos vivi como nômades, junto com os mongóis, mais eu não podia deixar minha nação, fui atrás do homem mais sábio do mundo, Max Machado o mestre monge mongol, ele abriu minha mente para um plano infalível. Juntei os homens de maiores confiança e fui até tarkov, para o banker secreto em que eu escondi a máquina, lá eu puxei rasputins de várias dimensões alternativas, eles lutaram entre si, até que um mago sobrou, o rasputin branco, ele foi com nosco até a sede a ONP, libertamos Pudinisland, eu trasformei a Rússia e a o Império Gnomisticos em um país só, e o rasputin branco se sacrificou, ele pegou a máquina de ressuscitação e levou para uma outra dimensão, lá ele explodiu ela, criando um novo big bang matando ele, nada Aconteceu aqui na nossa dimensão. Mais finalmente a paz reina nas terras de Pudinland.
Obrigado por ler :3
submitted by Vl4dimirPudim to PuddingsUtopia [link] [comments]


2020.07.28 04:12 assis96 Porque eu acredito que o Esperanto será a língua internacional do futuro

O Esperanto é uma língua artificial criada pelo médico oftamologista Lázaro Luiz Zamenhof e nascida no ano de 1887 pela publicação do livro "Internacia Lingvo". Zamenhof nasceu na cidade de Bialystok, atualmente na Polônia, mais especificamente próximo a fronteira onde hoje se encontra a Bielorrusia, Lituânia e Kaliningrado (território russo). Ele era judeu, seu pai era professor de alemão e francês, em razão do meio social e geográfico, desde pequeno conviveu com várias línguas: iídiche, russo, polonês, alemão, hebraico, francês. Lázaro tinha inclinação e facilidade em aprender línguas, cresceu em um ambiente onde problemas de comunicação, preconceito linguístico e étnico eram uma constante. Nesse contexto, sentiu-se impelido a buscar uma solução para esses conflitos por meio da criação de uma língua nova, neutra, fácil e democrática.
Apesar de eu não ser um falante do Esperanto, nem ter contacto com esperantistas, sei que há inúmeros estudos de conceituados linguistas que apresentam pontos tecnicamente favoráveis ao ensino e difusão do Esperanto como língua viável para ser adotada pela comunidade internacional. Se não fosse assim, ele não seria a língua planejada mais falada do mundo e a ONU nem teria recomendado em 1985 sua difusão entre seus países-membros. Esse artigo não visa apresentar a viabilidade do Esperanto do ponto de vista técnico linguístico, visa sim mostrar a possibilidade real da materialização do sonho esperantista no mundo tendo como base a História, a evolução da cultura ética-moral dos povos e a revelação espírita.
Antes de avançarmos na argumentação é preciso ter em conta que estou escrevendo em português, em uma rede social relativamente popular no mundo ocidental e em um canal de comunicação onde o inglês é dominante. Bem provável, os leitores desse artigo podem ser caracterizados como pessoas esquisitas (em inglês WEIRD, sigla em referência a pessoas western, educated, industrialized, rich and democratic) que não retratam a ampla realidade social do mundo. Inevitavelmente sou ocidental, tenho acesso a educação superior, estou integrado em uma sociedade industrializada e nativo brasileiro, apesar dos pesares, um país rico e ainda democrático. A verdade é que não conhecemos de fato o mundo todo, o que a gente pensa que sabe do mundo é muito pouco e extremamente deturpado do que realmente é o nosso planeta. Por mais que tenhamos acesso a internet e programas que falem como é a vida dos outros povos e países, não podemos dizer que sabemos com propriedade como é a vida e cultura dos outros povos e países. O mundo é bem mais complexo e diverso do que a gente imagina, são inúmeras religiões, tradições, línguas, climas, histórias, economias, políticas, filosofias, etc. Queremos refletir sobre uma língua que se aplique no mundo como um todo e não apenas no lado ocidental, para pessoas WEIRD.
Agora posso começar a explicar "Porque eu acredito que o Esperanto será a língua internacional do futuro". Primeiro, vamos nos basear na História, hoje a língua internacional é o inglês, mas em outras épocas poderíamos considerar o latim e o grego. O paradigma materialista econômico aceito pela maioria dos homens permite a qualquer país ou nação que se tornar mais influente, mais forte e dominante, submeter as demais nações ao julgo de sua cultura e consequentemente de sua língua. É claro que o mundo nunca antes em sua História esteve tão globalizado e internacionalizado como nos dias de hoje, nesta singularidade dos nossos tempos são as nações de língua inglesa as detentoras de grande poder na política mundial, por isso o inglês está sendo a língua internacional mais forte e em melhor opção para se estabelecer em definitivo como língua global. Todavia, precisamos ampliar nossa visão de tempo e aprender com a História. Não podemos pensar no futuro considerando apenas os últimos 150 anos de glória das nações anglo-saxãs. Por mais que estes últimos 150 anos de nossa história sejam os mais intensos e impactantes no globo como um todo, o futuro ainda está em aberto, rapidamente pode ocorrer uma inusitada mudança de ordem política-econômica-cultural.
Se voltássemos no tempo há 2000 anos e discutíssemos sobre qual seria a língua internacional do futuro, um cidadão do império romano muito provavelmente não diria ser o Inglês. Quem visse o império romano de dois milênios atrás dificilmente poderia imaginar que hoje ele estaria em ruínas. Por que não poderíamos aplicar esse exemplo nos dias de hoje? Todos os impérios que passaram pelo planeta tiveram seu tempo de nascer, crescer, atingir um ápice, declinar e morrer. O império consolidado pelas línguas inglesas seriam uma exceção? Uma língua que se propõe a ser duradoura e "universal" deve se associar ao mundo das ideias primeiro antes do mundo físico. O mundo físico é transitório, efêmero, está em constante mudança. O mundo das ideias é imperecível, você pode matar um homem, mas não consegue matar uma ideia. Foi essa essência ideológica forte que fez o cristianismo se estabelecer hoje a religião com maior número de adeptos no mundo. Eu comparo os esperantistas de hoje como os cristãos do século II, 133 anos depois da morte de Jesus de Nazaré na cruz. No século II, poucas pessoas levavam o cristianismo a sério, ele era uma minoria, a maioria dos homens e nações de fama do século II não apostariam nas imensas proporções e desdobramentos que o cristianismo seria capaz de acarretar no futuro da humanidade. Por que hoje, no segundo século do nascimento do Esperanto poderíamos duvidar do potencial dessa nova ideologia?
Lembramos do cristianismo e agora para ilustrar o problema da evolução ética-moral da cultura dos povos, vamos pensar na cultura Islã. Não podemos pensar no mundo ignorando a cultura do islamismo, os muçulmanos são tão expressivos numericamente quanto os cristãos, há projeções estatísticas que indicam uma ultrapassagem do Islã ao cristianismo em número de adeptos até o fim deste século. O Islã tem preferência pelo idioma árabe, isso em virtude do Alcorão, seu livro sagrado, ter sido revelado pelo profeta Maomé em árabe e também pela beleza sonora de se ouvir a declamação dos textos contidos no Alcorão no idioma original. A cultura dos países de predomínio muçulmano também possui forte influência do idioma árabe. Muito dos valores morais dos países de predomínio do idioma inglês são bem diferentes e até mesmo antagônico aos valores morais da cultura árabe, sem falar dos recorrentes conflitos políticos entre as nações desses dois mundos linguísticos diferentes. Sabendo dessas hostilidades históricas, da expansão de ambas as culturas, como conciliar por parte dos muçulmanos a supremacia internacional do inglês ao árabe ou vice-versa?
A evolução ética-moral da cultura dos povos mostra que século após século o homem avança um pouco mais no desenvolvimento de suas leis, de seus costumes, de seus conhecimentos e culturas. A Declaração do Direito dos Homens é um exemplo, a valorização das mulheres e o combate ao preconceito racista outro exemplo de avanço da mentalidade humana. A evolução do conceito de Justiça é a alavanca ética-moral dos povos e com base nessa ideia o Esperanto ganha força e tem destino promissor. O Esperanto não é apenas uma língua planejada, o Esperanto representa uma filosofia, um modo de pensar, um estilo de vida que tem como objetivo principal não ter supremacia em relação a outras filosofias, línguas e estilos de vida, mas sim colaborar com a fraternidade entre os povos e nações do mundo todo por meio de uma comunicação em língua neutra. Muitos podem dizer que a língua Inglês, ou qualquer outra língua, também busca colaborar com a paz na Terra e fraternidade entre os homens, não duvido dessa intenção, mas há um problema intrínseco nessa boa intenção que fere o conceito de orgulho dos homens e quando o orgulho dos homens é ferido dificilmente há fraternidade. Todos nós temos orgulho, querendo ou não, não gostamos de nos sentir ou pensar que valemos menos do que os outros, na verdade os seres humanos não devem ser vistos como inferiores ou superiores uns aos outros, mas sim como seres únicos, como "fim em si mesmo" nos dizeres do filósofo Kant. Da mesma forma vejo as línguas, elas também expressam os indivíduos e povos, cada língua deve ser vista como um "fim em si mesmo". O Esperanto não fere a dignidade de nenhum povo justamente porque ele não está associado a nenhum povo ou país em específico, o Esperanto é mais despersonalizado, mais neutro do que qualquer outra língua, por isso poderia melhor colaborar com a fraternidade entre os homens.
Por fim, mas não menos importante, ressaltamos o caráter da revelação espírita em aprovação e consonância com a difusão do Esperanto. Sem pretensões, posso dizer que tenho um pouco mais de conhecimento de causa do Espiritismo, afinal nasci e cresci em família espírita e também sou bem integrado ao movimento espírita de minha cidade. Emmanuel, um dos principais espíritos responsáveis pela divulgação do Espiritismo no Brasil, juntamente com o médium Chico Xavier, em várias mensagens reforça o valor do Esperanto e incentiva seu estudo. Não só Emmanuel, mas vários outros espíritos nobres por meio de diversos médiuns respeitáveis dos mais variados lugares do mundo e em vários momentos diferentes desde o nascimento do Esperanto em 1887 são coerentes em acreditar no projeto esperantistas para solução dos problemas de comunicação entre os povos.
O Espiritismo defende a ideia da evolução moral e espiritual do planeta Terra, atualmente viveríamos em período de transição entre duas fases claramente distintas, de maneira geral, estaríamos saindo do estágio de mundo de provas e expiações (onde há predominância do mal sobre o bem) para o estágio de mundo de regeneração (onde o homem teria mais consciência da necessidade de viver a fraternidade). O Espiritismo diz que nesse terceiro milênio a humanidade estaria predestinada a viver a sua regeneração e, para tal período, os espíritos responsáveis pela condução deste processo já teriam definido e legitimado o Esperanto como a língua do estágio de regeneração. Mesmo havendo espíritas encarnados que não levem a sério o Esperanto, muitos inclusive gostariam que houvesse uma retratação por parte das instituições espíritas que defendem a difusão do Esperanto, a contragosto os espíritos desencarnados guias do Espiritismo continuam acreditando e convocando os homens ao ideal esperantistas de fraternidade. Em síntese, esses espíritos superiores dizem que não é conveniente para o período de regeneração da Terra a apropriação de um idioma (inglês, por exemplo) contaminado por impressões deletérias desagregadoras devido o seu uso em ações de domínio cultural, político e econômico. Esses guias da humanidade, mereceriam nossa consideração em razão de possuírem uma visão liberta da transitoriedade do mundo material, mais ampla e nítida da realidade dos fatos, diferente de nós, encarnados, que temos a visão embotada pelos preconceitos.
Enfim, diante do exposto, digo com tranquilidade, com segurança e esperança: O Esperanto será a língua internacional do futuro! Digo isso não porquê sou espírita e os espíritos também acreditarem nisso. Digo isso porquê vejo lógica e razão em acreditar nisso. Quando será esse futuro? Isso não sou capaz de precisar, mas arriscaria dizer que esse futuro seja daqui uns 200 anos, quem sabe? 200 anos na história da humanidade é logo ali.
submitted by assis96 to Esperanto [link] [comments]


2020.07.23 10:09 diplohora Mes estudos para o CACD - Bruno Pereira Rezende

Livro do diplomata Bruno Pereira Rezende
INTRODUÇÃO
📷📷Desde quando comecei os estudos para o Concurso de Admissão à Carreira de Diplomata (CACD), li dezenas de recomendações de leituras, de guias de estudos extraoficiais, de dicas sobre o concurso, sobre cursinhos preparatórios etc. Sem dúvida, ter acesso a tantas informações úteis, vindas de diversas fontes, foi fundamental para que eu pudesse fazer algumas escolhas certas em minha preparação, depois de algumas vacilações iniciais. Mesmo assim, além de a maioria das informações ter sido conseguida de maneira dispersa, muitos foram os erros que acho que eu poderia haver evitado. Por isso, achei que poderia ser útil reunir essas informações que coletei, adicionando um pouco de minha experiência com os estudos preparatórios para o CACD neste documento.
Além disso, muitas pessoas, entre conhecidos e desconhecidos, já vieram me pedir sugestões de leituras, de métodos de estudo, de cursinhos preparatórios etc., e percebi que, ainda que sempre houvesse alguma diferenciação entre as respostas, eu acabava repetindo muitas coisas. É justamente isso o que me motivou a escrever este documento – que, por não ser (nem pretender ser) um guia, um manual ou qualquer coisa do tipo, não sei bem como chamá-lo, então fica como “documento” mesmo, um relato de minhas experiências de estudos para o CACD. Espero que possa ajudar os interessados a encontrar, ao menos, uma luz inicial para que não fiquem tão perdidos nos estudos e na preparação para o concurso.
Não custa lembrar que este documento representa, obviamente, apenas a opinião pessoal do autor, sem qualquer vínculo com o Ministério das Relações Exteriores, com o Instituto Rio Branco ou com o governo brasileiro. Como já disse, também não pretendo que seja uma espécie de guia infalível para passar no concurso. Além disso, o concurso tem sofrido modificações frequentes nos últimos anos, então pode ser que algumas coisas do que você lerá a seguir fiquem ultrapassadas daqui a um ou dois concursos. De todo modo, algumas coisas são básicas e podem ser aplicadas a qualquer situação de prova que vier a aparecer no CACD, e é necessário ter o discernimento necessário para aplicar algumas coisas do que falarei aqui a determinados contextos. Caso você tenha dúvidas, sugestões ou críticas, fique à vontade e envie-as para [[email protected] ](mailto:[email protected])(se, por acaso, você tiver outro email meu, prefiro que envie para este, pois, assim, recebo tudo mais organizado em meu Gmail). Se tiver comentários ou correções acerca deste material, peço, por favor, que também envie para esse email, para que eu possa incluir tais sugestões em futura revisão do documento.
Além desta breve introdução e de uma também brevíssima conclusão, este documento tem quatro partes. Na primeira, trato, rapidamente, da carreira de Diplomata: o que faz, quanto ganha, como vai para o exterior etc. É mais uma descrição bem ampla e rápida, apenas para situar quem, porventura, estiver um pouco mais perdido. Se não estiver interessado, pode pular para as partes seguintes, se qualquer prejuízo para seu bom entendimento. Na segunda parte, trato do concurso: como funciona, quais são os pré-requisitos para ser diplomata, quais são as fases do concurso etc. Mais uma vez, se não interessar, pule direto para a parte seguinte. Na parte três, falo sobre a preparação para o concurso (antes e durante), com indicações de cursinhos, de professores particulares etc. Por fim, na quarta parte, enumero algumas sugestões de leituras (tanto próprias quanto coletadas de diversas fontes), com as devidas considerações pessoais sobre cada uma. Antes de tudo, antecipo que não pretendo exaurir toda a bibliografia necessária para a aprovação, afinal, a cada ano, o concurso cobra alguns temas específicos. O que fiz foi uma lista de obras que auxiliaram em minha preparação (e, além disso, também enumerei muitas sugestões que recebi, mas não tive tempo ou vontade de ler – o que também significa que, por mais interessante que seja, você não terá tempo de ler tudo o que lhe recomendam por aí, o que torna necessário é necessário fazer algumas escolhas; minha intenção é auxiliá-lo nesse sentido, na medida do possível).
Este documento é de uso público e livre, com reprodução parcial ou integral autorizada, desde que citada a fonte. Sem mais, passemos ao que interessa.
Parte I – A Carreira de Diplomata
INTRODUÇÃO
Em primeiro lugar, rápida apresentação sobre mim. Meu nome é Bruno Rezende, tenho 22 anos e fui aprovado no Concurso de Admissão à Carreira de Diplomata (CACD) de 2011. Sou graduado em Relações Internacionais pela Universidade de Brasília (turma LXII, 2007-20110), e não tinha certeza de que queria diplomacia até o meio da universidade. Não sei dizer o que me fez escolher a diplomacia, não era um sonho de infância ou coisa do tipo, e não tenho familiares na carreira. Acho que me interessei por um conjunto de aspectos da carreira. Comecei a preparar-me para o CACD em meados de 2010, assunto tratado na Parte III, sobre a preparação para o concurso.
Para maiores informações sobre o Ministério das Relações Exteriores (MRE), sobre o Instituto Rio Branco (IRBr), sobre a vida de diplomata etc., você pode acessar os endereços:
- Página do MRE: http://www.itamaraty.gov.b
- Página do IRBr: http://www.institutoriobranco.mre.gov.bpt-b
- Canal do MRE no YouTube: http://www.youtube.com/mrebrasil/
- Blog “Jovens Diplomatas”: http://jovensdiplomatas.wordpress.com/
- Comunidade “Coisas da Diplomacia” no Orkut (como o Orkut está ultrapassado, procurei reunir todas as informações úteis sobre o concurso que encontrei por lá neste documento, para que vocês não tenham de entrar lá, para procurar essas informações):
http://www.orkut.com.bMain#Community?cmm=40073
- Comunidade “Instituto Rio Branco” no Facebook: http://www.facebook.com/groups/institutoriobranco/
Com certeza, há vários outros blogs (tanto sobre a carreira quanto sobre a vida de diplomata), mas não conheço muitos. Se tiver sugestões, favor enviá-las para [[email protected].](mailto:[email protected])
Além disso, na obra O Instituto Rio Branco e a Diplomacia Brasileira: um estudo de carreira e socialização (Ed. FGV, 2007), a autora Cristina Patriota de Moura relata aspectos importantes da vida diplomática daqueles que ingressam na carreira. Há muitas informações desatualizadas (principalmente com relação ao concurso), mas há algumas coisas interessantes sobre a carreira, e o livro é bem curto.
A DIPLOMACIA E O TRABALHO DO DIPLOMATA
Com a intensificação das relações internacionais contemporâneas e com as mudanças em curso no contexto internacional, a demanda de aprimoramento da cooperação entre povos e países tem conferido destaque à atuação da diplomacia. Como o senso comum pode indicar corretamente, o
diplomata é o funcionário público que lida com o auxílio à Presidência da República na formulação da política externa brasileira, com a condução das relações da República Federativa do Brasil com os demais países, com a representação brasileira nos fóruns e nas organizações internacionais de que o país faz parte e com o apoio aos cidadãos brasileiros residentes ou em trânsito no exterior. Isso todo mundo que quer fazer o concurso já sabe (assim espero).
Acho que existem certos mitos acerca da profissão de diplomata. Muitos acham que não irão mais pagar multa de trânsito, que não poderão ser presos, que nunca mais pegarão fila em aeroporto etc. Em primeiro lugar, não custa lembrar que as imunidades a que se referem as Convenções de Viena sobre Relações Diplomáticas e sobre Relações Consulares só se aplicam aos diplomatas no exterior (e nos países em que estão acreditados). No Brasil, os diplomatas são cidadãos como quaisquer outros. Além disso, imunidade não é sinônimo de impunidade, então não ache que as imunidades são as maiores vantagens da vida de um diplomata. O propósito das imunidades é apenas o de tornar possível o trabalho do diplomata no exterior, sem empecilhos mínimos que poderiam obstar o bom exercício da profissão. Isso não impede que diplomatas sejam revistados em aeroportos, precisem de vistos, possam ser julgados, no Brasil, por crimes cometidos no exterior etc.
Muitos também pensam que irão rodar o mundo em primeira classe, hospedar-se em palácios suntuosos, passear de iate de luxo no Mediterrâneo e comer caviar na cerimônia de casamento do príncipe do Reino Unido. Outros ainda acham que ficarão ricos, investirão todo o dinheiro que ganharem na Bovespa e, com três anos de carreira, já estarão próximos do segundo milhão. Se você quer ter tudo isso, você está no concurso errado, você precisa de um concurso não para diplomata, mas para marajá. Obviamente, não tenho experiência suficiente na carreira para dizer qualquer coisa, digo apenas o que já li e ouvi de diversos comentários por aí. É fato que há carreiras públicas com salários mais altos. Logo, se você tiver o sonho de ficar rico com o salário de servidor público, elas podem vir a ser mais úteis nesse sentido. Há não muito tempo, em 2006, a remuneração inicial do Terceiro-Secretário (cargo inicial da carreira de diplomata), no Brasil, era de R$ 4.615,53. Considerando que o custo de vida em Brasília é bastante alto, não dava para viver de maneira tão abastada, como alguns parecem pretender. É necessário, entretanto, notar que houve uma evolução significativa no aspecto salarial, nos últimos cinco anos (veja a seç~o seguinte, “Carreira e Salrios). De todo modo, já vi vários diplomatas com muitos anos de carreira dizerem: “se quiser ficar rico, procure outra profissão”. O salário atual ajuda, mas não deve ser sua única motivação.
H um texto ótimo disponível na internet: “O que é ser diplomata”, de César Bonamigo, que reproduzo a seguir.
O Curso Rio Branco, que frequentei em sua primeira edição, em 1998, pediu-me para escrever sobre o que é ser diplomata. Tarefa difícil, pois a mesma pergunta feita a diferentes diplomatas resultaria, seguramente, em respostas diferentes, umas mais glamourosas, outras menos, umas ressaltando as vantagens, outras as desvantagens, e não seria diferente se a pergunta tratasse de outra carreira qualquer. Em vez de falar de minhas impressões pessoais, portanto, tentarei, na medida do possível, reunir observações tidas como “senso comum” entre diplomatas da minha geraç~o.
Considero muito importante que o candidato ao Instituto Rio Branco se informe sobre a realidade da carreira diplomática, suas vantagens e desvantagens, e que dose suas expectativas de acordo. Uma expectativa bem dosada não gera desencanto nem frustração. A carreira oferece um pacote de coisas boas (como a oportunidade de conhecer o mundo, de atuar na área política e econômica, de conhecer gente interessante etc.) e outras não tão boas (uma certa dose de burocracia, de hierarquia e dificuldades no equacionamento da vida familiar). Cabe ao candidato inferir se esse pacote poderá ou não fazê-lo feliz.
O PAPEL DO DIPLOMATA
Para se compreender o papel do diplomata, vale recordar, inicialmente, que as grandes diretrizes da política externa são dadas pelo Presidente da República, eleito diretamente pelo voto popular, e pelo Ministro das Relações Exteriores, por ele designado. Os diplomatas são agentes políticos do Governo, encarregados da implementação dessa política externa. São também servidores públicos, cuja função, como diz o nome, é servir, tendo em conta sua especialização nos temas e funções diplomáticos.
Como se sabe, é função da diplomacia representar o Brasil perante a comunidade internacional. Por um lado, nenhum diplomata foi eleito pelo povo para falar em nome do Brasil. É importante ter em mente, portanto, que a legitimidade de sua ação deriva da legitimidade do Presidente da República, cujas orientações ele deve seguir. Por outro lado, os governos se passam e o corpo diplomático permanece, constituindo elemento importante de continuidade da política externa brasileira. É tarefa essencial do diplomata buscar identificar o “interesse nacional”. Em negociações internacionais, a diplomacia frequentemente precisa arbitrar entre interesses de diferentes setores da sociedade, não raro divergentes, e ponderar entre objetivos econômicos, políticos e estratégicos, com vistas a identificar os interesses maiores do Estado brasileiro.
Se, no plano externo, o Ministério das Relações Exteriores é a face do Brasil perante a comunidade de Estados e Organizações Internacionais, no plano interno, ele se relaciona com a Presidência da República, os demais Ministérios e órgãos da administração federal, o Congresso, o Poder Judiciário, os Estados e Municípios da Federação e, naturalmente, com a sociedade civil, por meio de Organizações Não Governamentais (ONGs), da Academia e de associações patronais e trabalhistas, sempre tendo em vista a identificação do interesse nacional.
O TRABALHO DO DIPLOMATA
Tradicionalmente, as funções da diplomacia são representar (o Estado brasileiro perante a comunidade internacional), negociar (defender os interesses brasileiros junto a essa comunidade) e informar (a Secretaria de Estado, em Brasília, sobre os temas de interesse brasileiro no mundo). São também funções da diplomacia brasileira a defesa dos interesses dos cidadãos brasileiros no exterior, o que é feito por meio da rede consular, e a promoção de interesses do País no exterior, tais como interesses econômico-comerciais, culturais, científicos e tecnológicos, entre outros.
No exercício dessas diferentes funções, o trabalho do diplomata poderá ser, igualmente, muito variado. Para começar, cerca de metade dos mil1 diplomatas que integram o Serviço Exterior atua no Brasil, e a outra metade nos Postos no exterior (Embaixadas, Missões, Consulados e Vice-Consulados). Em Brasília, o diplomata desempenha funções nas áreas política, econômica e administrativa, podendo cuidar de temas tão diversos quanto comércio internacional, integração regional (Mercosul), política bilateral (relacionamento do Brasil com outros países e blocos), direitos humanos, meio ambiente ou administração física e financeira do Ministério. Poderá atuar, ainda, no Cerimonial (organização dos encontros entre autoridades brasileiras e estrangeiras, no Brasil e no exterior) ou no relacionamento do Ministério com a sociedade (imprensa, Congresso, Estados e municípios, Academia, etc.).
No exterior, também, o trabalho dependerá do Posto em questão. As Embaixadas são representações do Estado brasileiro junto aos outros Estados, situadas sempre nas capitais, e desempenham as funções tradicionais da diplomacia (representar, negociar, informar), além de promoverem o Brasil junto a esses Estados. Os Consulados, Vice-Consulados e setores consulares de Embaixadas podem situar-se na capital do país ou em outra cidade onde haja uma comunidade brasileira expressiva. O trabalho nesses Postos é orientado à defesa dos interesses dos cidadãos brasileiros no exterior. Nos Postos multilaterais (ONU, OMC, FAO, UNESCO, UNICEF, OEA etc.), que podem ter natureza política, econômica ou estratégica, o trabalho envolve, normalmente, a representação e a negociação dos interesses nacionais.
O INGRESSO NA CARREIRA
A carreira diplomática se inicia, necessariamente, com a aprovação no concurso do Instituto Rio Branco (Informações sobre o concurso podem ser obtidas no site http://www2.mre.gov.birbindex.htm). Para isso, só conta a competência – e, talvez, a sorte – do candidato. Indicações políticas não ajudam.
AS REMOÇÕES
Após os dois anos de formação no IRBr , o diplomata trabalhará em Brasília por pelo menos um ano. Depois, iniciam-se ciclos de mudança para o exterior e retornos a Brasília. Normalmente, o diplomata vai para o exterior, onde fica três anos em um Posto, mais três anos em outro Posto, e retorna a Brasília, onde fica alguns anos, até o início de novo ciclo. Mas há espaço para flexibilidades. O diplomata poderá sair para fazer um Posto apenas, ou fazer três Postos seguidos antes de retornar a Brasília. Isso dependerá da conveniência pessoal de cada um. Ao final da carreira, o diplomata terá passado vários anos no exterior e vários no Brasil, e essa proporção dependerá essencialmente das escolhas feitas pelo próprio diplomata. Para evitar que alguns diplomatas fiquem sempre nos “melhores Postos” – um critério, aliás, muito relativo – e outros em Postos menos privilegiados, os Postos no exterior estão divididos em [quatro] categorias, [A, B, C e D], obedecendo a critérios não apenas de qualidade de vida, mas também geográficos, e é seguido um sistema de rodízio: após fazer um Posto C, por exemplo, o diplomata terá direito a fazer um Posto A [ou B], e após fazer um Posto A, terá que fazer um Posto [B, C ou D].
AS PROMOÇÕES
Ao tomar posse no Serviço Exterior, o candidato aprovado no concurso torna-se Terceiro-Secretário. É o primeiro degrau de uma escalada de promoções que inclui, ainda, Segundo-Secretário, Primeiro-
-Secretário, Conselheiro, Ministro de Segunda Classe (costuma-se dizer apenas “Ministro”) e Ministro de Primeira Classe (costuma-se dizer apenas “Embaixador”), nessa ordem. Exceto pela primeira promoção, de Terceiro para Segundo-Secretário, que se dá por tempo (quinze Terceiros Secretários são promovidos a cada semestre), todas as demais dependem do mérito, bem como da articulação política do diplomata. Nem todo diplomata chega a Embaixador. Cada vez mais, a competição na carreira é intensa e muitos ficam no meio do caminho. Mas, não se preocupem e também não se iludam: a felicidade não está no fim, mas ao longo do caminho!
DIRECIONAMENTO DA CARREIRA
Um questionamento frequente diz respeito à possibilidade de direcionamento da carreira para áreas específicas. É possível, sim, direcionar uma carreira para um tema (digamos, comércio internacional, direitos humanos, meio ambiente etc.) ou mesmo para uma região do mundo (como a Ásia, as Américas ou a África, por exemplo), mas isso não é um direito garantido e poderá não ser sempre possível. É preciso ter em mente que a carreira diplomática envolve aspectos políticos, econômicos e administrativos, e que existem funções a serem desempenhadas em postos multilaterais e bilaterais em todo o mundo, e n~o só nos países mais “interessantes”. Diplomatas est~o envolvidos em todas essas variantes e, ao longo de uma carreira, ainda que seja possível uma certa especialização, é provável que o diplomata, em algum momento, atue em áreas distintas daquela em que gostaria de se concentrar.
ASPECTOS PRÁTICOS E PESSOAIS
É claro que a vida é muito mais que promoções e remoções, e é inevitável que o candidato queira saber mais sobre a carreira que o papel do diplomata. Todos precisamos cuidar do nosso dinheiro, da saúde, da família, dos nossos interesses pessoais. Eu tentarei trazem um pouco de luz sobre esses aspectos.
DINHEIRO
Comecemos pelo dinheiro, que é assunto que interessa a todos. Em termos absolutos, os diplomatas ganham mais quando estão no exterior do que quando estão em Brasília. O salário no exterior, no entanto, é ajustado em função do custo de vida local, que é frequentemente maior que no Brasil. Ou seja, ganha-se mais, mas gasta-se mais. Se o diplomata conseguirá ou não economizar dependerá i) do salário específico do Posto , ii) do custo de vida local, iii) do câmbio entre a moeda local e o dólar, iv) do fato de ele ter ou não um ou mais filhos na escola e, principalmente, v) de sua propensão ao consumo. Aqui, não há regra geral. No Brasil, os salários têm sofrido um constante desgaste, especialmente em comparação com outras carreiras do Governo Federal, frequentemente obrigando o diplomata a economizar no exterior para gastar em Brasília, se quiser manter seu padrão de vida. Os diplomatas, enfim, levam uma vida de classe média alta, e a certeza de que não se ficará rico de verdade é compensada pela estabilidade do emprego (que não é de se desprezar, nos dias de hoje) e pela expectativa de que seus filhos (quando for o caso) terão uma boa educação, mesmo para padrões internacionais.
SAÚDE
Os diplomatas têm um seguro de saúde internacional que, como não poderia deixar de ser, tem vantagens e desvantagens. O lado bom é que ele cobre consultas com o médico de sua escolha, mesmo que seja um centro de excelência internacional. O lado ruim é que, na maioria das vezes, é preciso fazer o desembolso (até um teto determinado) para depois ser reembolsado, geralmente em 80% do valor, o que obriga o diplomata a manter uma reserva financeira de segurança.
FAMÍLIA : O CÔNJUGE
Eu mencionei, entre as coisas n~o t~o boas da carreira, “dificuldades no equacionamento da vida familiar”. A primeira dificuldade é o que fará o seu cônjuge (quando for o caso) quando vocês se mudarem para Brasília e, principalmente, quando forem para o exterior. Num mundo em que as famílias dependem, cada vez mais, de dois salários, equacionar a carreira do cônjuge é um problema recorrente. Ao contrário de certos países desenvolvidos, o Itamaraty não adota a política de empregar ou pagar salários a cônjuges de diplomatas. Na prática, cada um se vira como pode. Em alguns países é possível trabalhar. Fazer um mestrado ou doutorado é uma opção. Ter filhos é outra...
Mais uma vez, não há regra geral, e cada caso é um caso. O equacionamento da carreira do cônjuge costuma afetar principalmente – mas não apenas – as mulheres, já que, por motivos culturais, é mais comum o a mulher desistir de sua carreira para seguir o marido que o contrário2.
CASAMENTO ENTRE DIPLOMATAS
Os casamentos entre diplomatas não são raros. É uma situação que tem a vantagem de que ambos têm uma carreira e o casal tem dois salários. A desvantagem é a dificuldade adicional em conseguir que ambos sejam removidos para o mesmo Posto no exterior. A questão não é que o Ministério vá separar esses casais, mas que se pode levar mais tempo para conseguir duas vagas num mesmo Posto. Antigamente, eram frequentes os casos em que as mulheres interrompiam temporariamente suas carreiras para acompanhar os maridos. Hoje em dia, essa situação é exceção, não a regra.
FILHOS
Não posso falar com conhecimento de causa sobre filhos, mas vejo o quanto meus colegas se desdobram para dar-lhes uma boa educação. Uma questão central é a escolha da escola dos filhos, no Brasil e no exterior. No Brasil, a escola será normalmente brasileira, com ensino de idiomas, mas poderá ser a americana ou a francesa, que mantém o mesmo currículo e os mesmos períodos escolares em quase todo o mundo. No exterior, as escolas americana e francesa são as opções mais frequentes,
podendo-se optar por outras escolas locais, dependendo do idioma. Outra questão, já mencionada, é o custo da escola. Atualmente, não existe auxílio-educação para filhos de diplomatas ou de outros Servidores do Serviço Exterior brasileiro, e o dinheiro da escola deve sair do próprio bolso do servidor.
CÉSAR AUGUSTO VERMIGLIO BONAMIGO - Diplomata. Engenheiro Eletrônico formado pela UNICAMP. Pós- graduado em Administração de Empresas pela FGV-SP. Programa de Formação e Aperfeiçoamento - I (PROFA -
I) do Instituto Rio Branco, 2000/2002. No Ministério das Relações Exteriores, atuou no DIC - Divisão de Informação Comercial (DIC), 2002; no DNI - Departamento de Negociações Internacionais, 2003, e na DUEX - Divisão de União Europeia e Negociações Extrarregionais. Atualmente, serve na Missão junto à ONU (DELBRASONU), em NYC.
2 Conforme comunicado do MRE de 2010, é permitida a autorização para que diplomatas brasileiros solicitem passaporte diplomático ou de serviço e visto de permanência a companheiros do mesmo sexo. Outra resolução, de 2006, já permitia a inclusão de companheiros do mesmo sexo em planos de assistência médica.
Para tornar-se diplomata, é necessário ser aprovado no Concurso de Admissão à Carreira de Diplomata (CACD), que ocorre todos os anos, no primeiro semestre (normalmente). O número de vagas do CACD, em condições normais, depende da vacância de cargos. Acho que a quantidade normal deve girar entre 25 e 35, mais ou menos. Desde meados dos anos 2000, como consequência da aprovação de uma lei federal, o Ministério das Relações Exteriores (MRE/Itamaraty3) ampliou seus quadros da carreira de diplomata, e, de 2006 a 2010, foram oferecidas mais de cem vagas anuais. Com o fim dessa provisão de cargos, o número de vagas voltou ao normal em 2011, ano em que foram oferecidas apenas 26 vagas (duas delas reservadas a portadores de deficiência física4). Para os próximos concursos, há perspectivas de aprovação de um projeto de lei que possibilitará uma oferta anual prevista de 60 vagas para o CACD, além de ampliar, também, as vagas para Oficial de Chancelaria (PL 7579/2010). Oficial de Chancelaria, aproveitando que citei, é outro cargo (também de nível superior) do MRE, mas não integra o quadro diplomático. A remuneração do Oficial de Chancelaria, no Brasil, é inferior à de Terceiro-Secretário, mas os salários podem ser razoáveis quando no exterior. Já vi muitos casos de pessoas que passam no concurso de Oficial de Chancelaria e ficam trabalhando no MRE, até que consigam passar no CACD, quando (aí sim) tornam-se diplomatas.
Para fazer parte do corpo diplomático brasileiro, é necessário ser brasileiro nato, ter diploma válido de curso superior (caso a graduação tenha sido realizada em instituição estrangeira, cabe ao candidato providenciar a devida revalidação do diploma junto ao MEC) e ser aprovado no CACD (há, também, outros requisitos previstos no edital do concurso, como estar no gozo dos direitos políticos, estar em dia com as obrigações eleitorais, ter idade mínima de dezoito anos, apresentar aptidão física e mental para o exercício do cargo e, para os homens, estar em dia com as obrigações do Serviço Militar). Os aprovados entram para a carreira no cargo de Terceiro-Secretário (vide hierarquia na próxima seç~o, “Carreira e Salrios”). Os aprovados no CACD, entretanto, não iniciam a carreira trabalhando: há, inicialmente, o chamado Curso de Formação, que se passa no Instituto Rio Branco (IRBr). Por três semestres, os aprovados no CACD estudarão no IRBr, já recebendo o salário de Terceiro-Secretário (para remunerações, ver a próxima seç~o, “Hierarquia e Salrios).
O trabalho no Ministério começa apenas após um ou dois semestres do Curso de Formação no IRBr (isso pode variar de uma turma para outra), e a designação dos locais de trabalho (veja as subdivisões do MRE na página seguinte) é feita, via de regra, com base nas preferências individuais e na ordem de classificação dos alunos no Curso de Formação.
3 O nome “Itamaraty” vem do nome do antigo proprietrio da sede do Ministério no Rio de Janeiro, o Bar~o Itamaraty. Por metonímia, o nome pegou, e o Palácio do Itamaraty constitui, atualmente, uma dependência do MRE naquela cidade, abrigando um arquivo, uma mapoteca e a sede do Museu Histórico e Diplomático. Em Brasília, o Palácio Itamaraty, projetado por Oscar Niemeyer e inaugurado em 1970, é a atual sede do MRE. Frequentemente, “Itamaraty” é usado como sinônimo de Ministério das Relações Exteriores.
4 Todos os anos, há reserva de vagas para deficientes físicos. Se não houver número suficiente de portadores de deficiência que atendam às notas mínimas para aprovação na segunda e na terceira fases do concurso, que têm caráter eliminatório, a(s) vaga(s) restante(s) é(são) destinada(s) aos candidatos da concorrência geral.
O IRBr foi criado em 1945, em comemoração ao centenário de nascimento do Barão do Rio Branco, patrono da diplomacia brasileira. Como descrito na página do Instituto na internet, seus principais objetivos são:
harmonizar os conhecimentos adquiridos nos cursos universitários com a formação para a carreira diplomática (já que qualquer curso superior é válido para prestar o CACD);
desenvolver a compreensão dos elementos básicos da formulação e execução da política externa brasileira;
iniciar os alunos nas práticas e técnicas da carreira.
No Curso de Formação (cujo nome oficial é PROFA-I, Programa de Formação e Aperfeiçoamento - obs.: n~o sei o motivo do “I”, n~o existe “PROFA-II”), os diplomatas têm aulas obrigatórias de: Direito Internacional Público, Linguagem Diplomática, Teoria das Relações Internacionais, Economia, Política Externa Brasileira, História das Relações Internacionais, Leituras Brasileiras, Inglês, Francês e Espanhol. Há, ainda, diversas disciplinas optativas à escolha de cada um (como Chinês, Russo, Árabe, Tradução, Organizações Internacionais, OMC e Contenciosos, Políticas Públicas, Direito da Integração, Negociações Comerciais etc.). As aulas de disciplinas conceituais duram dois semestres. No terceiro semestre de Curso de Formação, só há aulas de disciplinas profissionalizantes. O trabalho no MRE começa, normalmente, no segundo ou no terceiro semestre do Curso de Formação (isso pode variar de uma turma para outra). É necessário rendimento mínimo de 60% no PROFA-I para aprovação (mas é praticamente impossível alguém conseguir tirar menos que isso). Após o término do PROFA-I, começa a vida de trabalho propriamente dito no MRE. Já ouvi um mito de pedida de dispensa do PROFA I para quem já é portador de título de mestre ou de doutor, mas, na prática, acho que isso não acontece mais.
Entre 2002 e 2010, foi possível fazer, paralelamente ao Curso de Formação, o mestrado em diplomacia (na prática, significava apenas uma matéria a mais). Em 2011, o mestrado em diplomacia no IRBr acabou.
Uma das atividades comuns dos estudantes do IRBr é a publicação da Juca, a revista anual dos alunos do Curso de Formação do Instituto. Segundo informações do site do IRBr, “[o] termo ‘Diplomacia e Humanidades’ define os temas de que trata a revista: diplomacia, ciências humanas, artes e cultura. A JUCA visa a mostrar a produção acadêmica, artística e intelectual dos alunos da academia diplomática brasileira, bem como a recuperar a memória da política externa e difundi-la nos meios diplomático e acadêmico”. Confira a página da Juca na internet, no endereço: http://juca.irbr.itamaraty.gov.bpt-bMain.xml.
Para saber mais sobre a vida de diplomata no Brasil e no exterior, sugiro a conhecida “FAQ do Godinho” (“FAQ do Candidato a Diplomata”, de Renato Domith Godinho), disponível para download no link: http://relunb.files.wordpress.com/2011/08/faq-do-godinho.docx. Esse arquivo foi escrito há alguns anos, então algumas coisas estão desatualizadas (com relação às modificações do concurso, especialmente). De todo modo, a parte sobre o trabalho do diplomata continua bem informativa e atual.
MEUS ESTUDOS PARA O CACD – http://relunb.wordpress.com
submitted by diplohora to brasilCACD [link] [comments]


2020.07.13 19:21 50jf Eu quero aprender outras línguas dvdrrd.q

Ai eu vou poder falar russo, alemão, inglês, japonês, e tudo mais E comi seus pais
submitted by 50jf to u/50jf [link] [comments]


2020.05.01 04:09 salocin_Hatter Falhei, de novo.

Fiz uma entrevista no finalzinho de fevereiro, eis que em março...PAM, epidemia global... nao tive mais resposta da empresa, mesmo tendo mandado e-mails (um foi mandado inclusive anteontem).
Segue minha saga de achar alguma empresa precisando de mais um programador...er... ai q bate a realidade, eu nem sei se sou um... digo, eu gosto de codar e talz, fiz bastantes cursos, tenho lá algumas coisas publicadas no github e uma extensão pro firefox (pra acelerar audio do zap, pq ninguem merece ouvir 2 minutos de pessoas pensando no que ia falar e fica naquele "hããã"... sai do foco, desculpem).
A real é... uma empresa atendeu um dos meus diversos curriculos enviados (Catho, Infojobs, workana, programathor etc...) e me passou um desafio q, a primeira vista, julguei simples... um chat (com algumas tecnologias q eu já tive contato e inclusive estudo).
Ok, tá na mão... fácil! Essa empresa me deu até sexta pra cria-lo (mandou esse desafio ontem).
Pessoas, quem disse que eu conseguia termina-lo? Eu travei, nao saia mais nada. Não consegui abstrair mais nada... e eu futucando a net em russo, inglês e nada de um projeto simples pra eu me basear... eu me considerava Junior, acho q nem nesse nivel cheguei ainda...
Resumindo, desisti... desfiz meu perfil na plataforma de empregos q essa empresa me contactou, dei aquela pranteada básica, e é isso... vai ficar pruma proxima oportunidade, mas eu vi q nao to pronto... a sensação de que meu tempo no estudo de programação nao ta tendo efeito é grande. Enfim, abri uma lata de cerveja e to vendo series pra conseguir dormir.
Boa noite a todos, e força pra superar essa pandemia.
submitted by salocin_Hatter to desabafos [link] [comments]


2020.01.07 17:23 bowfex Fala Zezé, bom dia cara.

Fala Zezé, bom dia, cara. Deixa eu te falar uma coisa.Eu estou pensando aqui, sei que está difícil para vocês aí arrumarem recursos, sei que está correndo atrás, mas estou falando por mim, não falei com ninguém tá, do time. Vê se você não consegue pelo menos pagar esses outros 60% antes do jogo de quinta-feira, que aí não precisa nem ter bicho, entendeu, para ganhar jogo.É uma motivação a mais para a gente cara, acertar o salário aí. Aí você não precisa arrumar uma premiação pra ganhar o jogo, porque a obrigação nossa é ganhar esse jogo. Tá louco! Se a gente não ganhar do CSA, pelo amor de Deus. Pô, faz esse esforço para a gente aí, até quinta-feira, tentar acertar esses 60% que estão atrasados do salário.
Versão gentleman:
Meus cumprimentos, caríssimo José. Desejo-te um dia benéfico, cavalheiro.Permita-me abrir um diálogo de suma importância com vossa senhoria: estive ocupado em meio às minhas reflexões, e reconheço que estás deveras complexa a arrecadação financeira do clube, assim como reconheço que tens sido deveras resiliente para resolver tal imbróglio.Contudo, me dirijo a vossa senhoria independentemente da opinião coletiva, pois não teci comentários com nenhum outro futebolista do Cruzeiro Esporte Clube. Indago-te a fim de verificar se não haveria a remota possibilidade de que vossa senhoria pudesse transferir uma mínima quantia percentual a qual se caracteriza com 60% do montante salarial. Isto é, antes que se chegue o arremate deste sexto dia da semana. Tal atitude de retomar os pagamentos se constituirá como um incentivo direcionado ao nosso coletivo de futebolistas. Portanto, vossa senhoria não necessitaria de cumprir com quaisquer adicionais monetários cuja cláusula de cumprimento cuja cláusula de cumprimento seria a vitória do Cruzeiro Esporte Clube. Ora, estás a se perder em condições mentais ditadas pela insanidade? Seria um enorme ultraje não sairmos vitoriosos no remate contra o Centro Sportivo Alagoano, pelo amor de nosso pai eterno!Então, por obséquio, peço encarecidamente que tu empregue de maneira mais satisfatória tuas energias, pois assim, há de se solucionar este débito que tem para conosco, afim de que repasse aos vossos jogadores os tais 60% deste quantitativo salarial até o dia de quinta- feira.
De cabeça pra baixo:
oıɹɐlɐs op sopɐsɐɹʇɐ oɐʇsǝ ǝnb %06 sǝssǝ ɹɐʇɹǝɔɐ ɹɐʇuǝʇ 'ɐɹıǝɟ-ɐʇuınb ǝʇɐ 'ıɐ ǝʇuǝƃ ɐ ɐɹɐd oɔɹoɟsǝ ǝssǝ zɐɟ 'od ˙snǝp ǝp ɹoɯɐ olǝd 'ɐsɔ op ɹɐɥuɐƃ oɐu ǝʇuǝƃ ɐ ǝs ¡oɔnol ɐʇ ˙oƃoɾ ǝssǝ ɹɐɥuɐƃ ǝ ɐssou oɐɔɐƃıɹqo ɐ ǝnbɹod 'oƃoɾ o ɹɐɥuɐƃ ɐɹɐd oɐɔɐıɯǝɹd ɐɯn ɹɐɯnɹɹɐ ɐsıɔǝɹd oɐu ǝɔoʌ ıɐ ˙ıɐ oıɹɐlɐs o ɹɐʇɹǝɔɐ 'ɐɹɐɔ ǝʇuǝƃ ɐ ɐɹɐd sıɐɯ ɐ oɐɔɐʌıʇoɯ ɐɯn ǝ ˙oƃoɾ ɹɐɥuɐƃ ɐɹɐd 'nǝpuǝʇuǝ 'oɥɔıq ɹǝʇ ɯǝu ɐsıɔǝɹd oɐu ıɐ ǝnb 'ɐɹıǝɟ-ɐʇuınb ǝp oƃoɾ op sǝʇuɐ %06 soɹʇno sǝssǝ ɹɐƃɐd souǝɯ olǝd ǝnƃǝsuoɔ oɐu ǝɔoʌ ǝs ǝʌ ˙ǝɯıʇ op 'ɐʇ ɯǝnƃuıu ɯoɔ ıǝlɐɟ oɐu 'ɯıɯ ɹod opuɐlɐɟ noʇsǝ sɐɯ 'sɐɹʇɐ opuǝɹɹoɔ ɐʇsǝ ǝnb ıǝs 'sosɹnɔǝɹ ɯǝɹɐɯnɹɹɐ ıɐ sǝɔoʌ ɐɹɐd lıɔıɟıp ɐʇsǝ ǝnb ıǝs 'ınbɐ opuɐsuǝd noʇsǝ nǝ ˙ɐsıoɔ ɐɯn ɹɐlɐɟ ǝʇ nǝ ɐxıǝp ˙ɐɹɐɔ 'ɐıp ɯoq 'ǝzǝz ɐlɐɟ
De trás pra frente:
oirálas od sodasarta oatse euq %06 sesse ratreca ratnet ,arief-atniuq eta :ia etneg arp oçrofse esse zaf ,oP .sueD ed roma olep ,ASC od rahnag oan etneg a eS .ocuol at ,ogoj esse rahnag etneg ad oacagirbo e euqrop ,ogoj o rahnag arap oacaimerp amu ramurra asicerp oan ecov ia E .oirálas o ratreca etneg arp siam a oãçavitom amu E .ogoj rahnag arap ohcib ret men asicerp oan ia euqroP .arief-atniuq ed ogoj od setna %06 sortuo sesse ragap sonem olep eugesnoc oan ecov es ev ;?at ,emit od méugnin moc ielaf oan ,mim rop odnalaf uotse sam ,sarta odnerroc oatse euq ies ,sosrucer meramurra secov arap licifid atse euq ies ,iuqa odnasnep uotse ue :asioc amu ralaf et ue axied ,arac aid mob ,ezeZ alaF
Zédroguês:
fALah zezeh...BOM DiaH...kaRAh...... dExXxah eU TI FAlaH 1 KoiZah...... EU TOW PEnsAnu AKI...sei ki TAH DiFiciu praH VUxXxEIxXx aiH ArRUMarem ReCuRsuxXx...sEi kI TaH kORRENu atRAixXx...mAxXx TOW FaLanU PoR MIm...naUm faLeI kUM nINgueM TAh...dU TiMe...... Ve si vUxXxE NaUM kOnsEGUe pELU - PAGah EXXixXx OTrUxXx 60% ANTixXx DU JogU dI 5ah...kI aIh Naum PReCizah nem Te bixXxu...ENteNDeU...PRAH ganHaH JOgu...... eh 1 moTIVAXXaUM A + pRah GENti KaRAh...ACerTaH u sALARiu aiH...... AIH VUxXxe nAum PReciZah ArrumAH 1 PremiaXXaum pRaH ganHAh U jOgU...pq A oBRIGaXXaUM NoXXaH eh Ganhah eXXI Jogu...... TaH Locu!!!!! sI A GeNTi nAuM ganHaH du CSA...PElU Amor Di DeuxXx...... PU...FAIxXx eXXi ESfORXXU prAh GEntI AiH...Ateh 5aH...tenTAh aCErTah EXXIxXx 60% KI TAum atrasaDUxXx Du saLAriU......
Em inglês:
What's up Zeze, good morning, man. Let me tell you something. I'm thinking here, I know it's hard for you to get resources, I know you're running after it, but I'm talking for myself, I didn't talk to anyone, from the team. See if you can't at least pay that other 60% before Thursday's game, which you don't even have to have, you know, to win the game. It's an extra motivation for us man, to set the salary right there. Then you don't have to get a prize to win the game, because our obligation is to win this game. You are crazy! If we don't beat CSA, for God's sake. Well, make this effort for us, until Thursday, to try to hit this 60% that are behind the salary.
Espanhol:
Di Zeze, buenos días, hombre. Déjame decirte algo. Estoy pensando aquí, sé que es difícil para ti obtener recursos, sé que lo estás buscando, pero estoy hablando por mí mismo, no hablé con nadie del equipo. Vea si al menos no puede pagar ese otro 60% antes del juego del jueves, que ni siquiera tiene que tener, ya sabe, para ganar el juego. Es una motivación extra para nosotros, chicos, obtener el salario allí mismo. Entonces no tienes que obtener un premio para ganar el juego, porque nuestra obligación es ganarlo. ¡Esta loco! Si no vencemos a CSA, por el amor de Dios. Bueno, haga este esfuerzo para nosotros, hasta el jueves, para tratar de alcanzar este 60% que está detrás del salario.
Italiano:
Di 'Zeze, buongiorno, amico. Lascia che ti dica una cosa. Sto pensando qui, so che è difficile ottenere risorse, so che stai correndo dietro di esso, ma sto parlando da solo, non ho parlato con nessuno, dal team. Vedi se non riesci almeno a pagare quell'altro 60% prima della partita di giovedì, che non devi nemmeno avere, sai, per vincere la partita. È una motivazione in più per noi, uomo, stabilire lo stipendio proprio lì. Quindi non devi ottenere un premio per vincere la partita, perché il nostro obbligo è vincere questa partita. È pazzesco! Se non battiamo CSA, per l'amor di Dio. Bene, fai questo sforzo per noi, fino a giovedì, per cercare di raggiungere questo 60% che è dietro lo stipendio.
Japonês:
Ohayōgozaimasu nanika oshietekudasai. Watashi wa koko de kangaete imasu, anata ga risōsu o te ni ireru no wa muzukashī koto o shitte imasu, anata wa sore o oikakete iru koto o shitte imasuga, watashi wa jibun jishin no tame ni hanashite iru, watashi wa chīmu no dare-tomo hanashimasendeshita mokuyōbi no gēmu no mae ni, sukunakutomo sono 60-pāsento o shiharau koto ga dekinai ka dō ka o kakuninshitekudasai. Kyūryō o sugu ni settei suru koto wa, watashitachi ningen ni totte no tsuika no dōkidesu. Kono gēmu ni katsu koto wa watashitachi no gimudearu tame, gēmu ni katsu tame ni shōhin o shutoku suru hitsuyō wa arimasen. Kureijīda! Watashitachi ga CSA ni katenakereba,-shin no tame ni. Sate, mokuyōbi made, kyūyo no haigo ni aru kono 60-pāsento o tassei shiyou to suru tame ni, kono doryoku o shite kudasai.
Chinês:
说Zeze,早上好,伙计。 让我告诉你一些事。 我在想,我知道您很难获得资源,我知道您正在追逐,但我在为自己说话,我没有与团队中的任何人交谈。 看看您是否至少不能在周四的比赛之前支付其他60%的费用,您甚至不必知道就可以赢得比赛。 对我们来说,这是额外的动力,希望在那里获得薪水。 然后,您不必获得奖励就可以赢得比赛,因为我们的义务是赢得这场比赛。 太疯狂了! 如果我们不打败CSA,请看在上帝的份上。 好吧,为我们做出努力,直到星期四,力争将这落后于工资的60%做到这一点。
Alemão:
Sag Zeze, guten Morgen, Mann. Lass mich dir etwas sagen. Ich denke hier, ich weiß, es ist schwer für dich, an Ressourcen zu kommen, ich weiß, dass du hinterher rennst, aber ich spreche für mich selbst, ich habe mit niemandem aus dem Team gesprochen. Sehen Sie, wenn Sie nicht mindestens die anderen 60% vor dem Spiel am Donnerstag bezahlen können, die Sie nicht einmal haben müssen, um das Spiel zu gewinnen. Es ist eine zusätzliche Motivation für uns Menschen, das Gehalt genau dort festzulegen. Dann brauchen Sie keinen Preis, um das Spiel zu gewinnen, denn wir sind verpflichtet, dieses Spiel zu gewinnen. Es ist verrückt! Wenn wir CSA nicht schlagen, um Gottes willen. Nun, bemühen Sie sich, bis Donnerstag, diese 60% zu erreichen, die hinter dem Gehalt liegen.
Francês:
Dites Zeze, bonjour, mec. Laisse-moi te dire quelque chose. Je pense ici, je sais qu'il est difficile pour vous d'obtenir des ressources, je sais que vous courez après, mais je parle pour moi, je n'ai parlé à personne, de l'équipe. Voyez si vous ne pouvez pas au moins payer cet autre 60% avant le match de jeudi, que vous n'avez même pas besoin d'avoir, vous savez, pour gagner le match. C'est une motivation supplémentaire pour nous les gars, pour obtenir le salaire juste là. Ensuite, vous n'avez pas besoin d'obtenir un prix pour gagner le jeu, car notre obligation est de gagner ce jeu. C'est fou! Si nous ne battons pas CSA, pour l'amour de Dieu. Eh bien, faites cet effort pour nous, jusqu'à jeudi, pour essayer d'atteindre les 60% qui sont derrière le salaire.
Russo:
Скажи Зезе, доброе утро, мужик. Позвольте мне сказать вам кое-что: я думаю здесь, я знаю, что вам трудно получить ресурсы, я знаю, что вы бежите за этим - но я говорю за себя, я не разговаривал ни с кем в команде, хорошо? Посмотрите, не можете ли вы заплатить еще 60% до четверговой игры. Потому что тогда вам даже не нужно иметь животное, чтобы выиграть игру. Это еще одна мотивация для нас: получить правильную зарплату. И тогда вам не нужно получать приз, чтобы выиграть игру, потому что это наша обязанность выиграть эту игру, это безумие. Если мы не победим CSA, ради бога. Ну, сделайте это для нас там: до четверга постарайтесь поразить эти 60%, которые отстают от зарплаты.
Morse:
..-. .- .-.. .- / --.. . --.. . --..-- / -... --- -- / -.. .. .- / -.-. .- .-. .- --..-- / -.. . .. -..- .- / . ..- / - . / ..-. .- .-.. .- .-. / ..- -- .- / -.-. --- .. ... .- / . ..- / . ... - --- ..- / .--. . -. ... .- -. -.. --- / .- --.- ..- .. --..-- / ... . .. / --.- ..- . / . ... - .- / -.. .. ..-. .. -.-. .. .-.. / .--. .- .-. .- / ...- --- -.-. . ... / .- .-. .-. ..- -- .- .-. . -- / .-. . -.-. ..- .-. ... --- ... --..-- / ... . .. / --.- ..- . / . ... - .- --- / -.-. --- .-. .-. . -. -.. --- / .- - .-. .- ... --..-- / -- .- ... / . ... - --- ..- / ..-. .- .-.. .- -. -.. --- / .--. --- .-. / -- .. -- --..-- / -. .- --- / ..-. .- .-.. . .. / -.-. --- -- / -. .. -. --. ..- . -- / -.. --- / - .. -- . --..-- / - .- ..--.. / ...- . / ... . / ...- --- -.-. . / -. .- --- / -.-. --- -. ... . --. ..- . / .--. . .-.. --- / -- . -. --- ... / .--. .- --. .- .-. / . ... ... . ... / --- ..- - .-. --- ... / -.... ----- / .- -. - . ... / -.. --- / .--- --- --. --- / -.. . / --.- ..- .. -. - .- -....- ..-. . .. .-. .- .-.-.- / .--. --- .-. --.- ..- . / .- .. / -. .- --- / .--. .-. . -.-. .. ... .- / -. . -- / - . .-. / -... .. -.-. .... --- / .--. .- .-. .- / --. .- -. .... .- .-. / .--- --- --. --- .-.-.- / . / ..- -- .- / -- --- - .. ...- .- --- / .- / -- .- .. ... / .--. .-. .- / --. . -. - . / .- -.-. . .-. - .- .-. / --- / ... .- .-.. .- .-. .. --- .-.-.- / . / .- .. / ...- --- -.-. . / -. .- --- / .--. .-. . -.-. .. ... .- / .- .-. .-. ..- -- .- .-. / ..- -- .- / .--. .-. . -- .. .- -.-. .- --- / .--. .- .-. .- / --. .- -. .... .- .-. / --- / .--- --- --. --- --..-- / .--. --- .-. --.- ..- . / . / --- -... .-. .. --. .- -.-. .- --- / -.. .- / --. . -. - . / --. .- -. .... .- .-. / . ... ... . / .--- --- --. --- --..-- / - .- / .-.. --- ..- -.-. --- .-.-.- / ... . / .- / --. . -. - . / -. .- --- / --. .- -. .... .- .-. / -.. --- / -.-. ... .- --..-- / .--. . .-.. --- / .- -- --- .-. / -.. . / -.. . ..- ... .-.-.- / .--. --- --..-- / ..-. .- --.. / . ... ... . / . ... ..-. --- .-. --- / .--. .-. .- / --. . -. - . / .- .. / .- - . / --.- ..- .. -. - .- -....- ..-. . .. .-. .- --..-- / - . -. - .- .-. / .- -.-. . .-. - .- .-. / . ... ... . ... / -.... ----- / --.- ..- . / . ... - .- --- / .- - .-. .- ... .- -.. --- ... / -.. --- / ... .- .-.. .- .-. .. --- .-.-.-
Binário:
01000110 01100001 01101100 01100001 00100000 01011010 01100101 01111010 11101001 00100000 01100010 01101111 01101101 00100000 01100100 01101001 01100001 00100000 01100011 01100001 01110010 01100001 00101110 00100000 01000100 01100101 01101001 01111000 01100001 00100000 01100101 01110101 00100000 01110100 01100101 00100000 01100110 01100001 01101100 01100001 01110010 00100000 01110101 01101101 01100001 00100000 01100011 01101111 01101001 01110011 01100001 00101110 00100000 01000101 01110101 00100000 01100101 01110011 01110100 01101111 01110101 00100000 01110000 01100101 01101110 01110011 01100001 01101110 01100100 01101111 00100000 01100001 01110001 01110101 01101001 00101100 00100000 01110011 01100101 01101001 00100000 01110001 01110101 01100101 00100000 01100101 01110011 01110100 11100001 00100000 01100100 01101001 01100110 11101101 01100011 01101001 01101100 00100000 01110000 01100001 01110010 01100001 00100000 01110110 01101111 01100011 11101010 01110011 00100000 01100001 11101101 00100000 01100001 01110010 01110010 01110101 01101101 01100001 01110010 01100101 01101101 00100000 01110010 01100101 01100011 01110101 01110010 01110011 01101111 01110011 00101100 00100000 01110011 01100101 01101001 00100000 01110001 01110101 01100101 00100000 01100101 01110011 01110100 11100001 00100000 01100011 01101111 01110010 01110010 01100101 01101110 01100100 01101111 00100000 01100001 01110100 01110010 11100001 01110011 00101100 00100000 01101101 01100001 01110011 00100000 01100101 01110011 01110100 01101111 01110101 00100000 01100110 01100001 01101100 01100001 01101110 01100100 01101111 00100000 01110000 01101111 01110010 00100000 01101101 01101001 01101101 00101100 00100000 01101110 11100011 01101111 00100000 01100110 01100001 01101100 01100101 01101001 00100000 01100011 01101111 01101101 00100000 01101110 01101001 01101110 01100111 01110101 11101001 01101101 00100000 01110100 11100001 00101100 00100000 01100100 01101111 00100000 01110100 01101001 01101101 01100101 00101110 00100000 01010110 11101010 00100000 01110011 01100101 00100000 01110110 01101111 01100011 11101010 00100000 01101110 11100011 01101111 00100000 01100011 01101111 01101110 01110011 01100101 01100111 01110101 01100101 00100000 01110000 01100101 01101100 01101111 00100000 01101101 01100101 01101110 01101111 01110011 00100000 01110000 01100001 01100111 01100001 01110010 00100000 01100101 01110011 01110011 01100101 01110011 00100000 01101111 01110101 01110100 01110010 01101111 01110011 00100000 00110110 00110000 00100101 00100000 01100001 01101110 01110100 01100101 01110011 00100000 01100100 01101111 00100000 01101010 01101111 01100111 01101111 00100000 01100100 01100101 00100000 01110001 01110101 01101001 01101110 01110100 01100001 00101101 01100110 01100101 01101001 01110010 01100001 00101100 00100000 01110001 01110101 01100101 00100000 01100001 11101101 00100000 01101110 11100011 01101111 00100000 01110000 01110010 01100101 01100011 01101001 01110011 01100001 00100000 01101110 01100101 01101101 00100000 01110100 01100101 01110010 00100000 01100010 01101001 01100011 01101000 01101111 00101100 00100000 01100101 01101110 01110100 01100101 01101110 01100100 01100101 01110101 00101100 00100000 01110000 01100001 01110010 01100001 00100000 01100111 01100001 01101110 01101000 01100001 01110010 00100000 01101010 01101111 01100111 01101111 00101110 00100000 11001001 00100000 01110101 01101101 01100001 00100000 01101101 01101111 01110100 01101001 01110110 01100001 11100111 11100011 01101111 00100000 01100001 00100000 01101101 01100001 01101001 01110011 00100000 01110000 01100001 01110010 01100001 00100000 01100001 00100000 01100111 01100101 01101110 01110100 01100101 00100000 01100011 01100001 01110010 01100001 00101100 00100000 01100001 01100011 01100101 01110010 01110100 01100001 01110010 00100000 01101111 00100000 01110011 01100001 01101100 11100001 01110010 01101001 01101111 00100000 01100001 11101101 00101110 00100000 01000001 11101101 00100000 01110110 01101111 01100011 11101010 00100000 01101110 11100011 01101111 00100000 01110000 01110010 01100101 01100011 01101001 01110011 01100001 00100000 01100001 01110010 01110010 01110101 01101101 01100001 01110010 00100000 01110101 01101101 01100001 00100000 01110000 01110010 01100101 01101101 01101001 01100001 11100111 11100011 01101111 00100000 01110000 01100001 01110010 01100001 00100000 01100111 01100001 01101110 01101000 01100001 01110010 00100000 01101111 00100000 01101010 01101111 01100111 01101111 00101100 00100000 01110000 01101111 01110010 01110001 01110101 01100101 00100000 01100001 00100000 01101111 01100010 01110010 01101001 01100111 01100001 11100111 11100011 01101111 00100000 01101110 01101111 01110011 01110011 01100001 00100000 11101001 00100000 01100111 01100001 01101110 01101000 01100001 01110010 00100000 01100101 01110011 01110011 01100101 00100000 01101010 01101111 01100111 01101111 00101110 00100000 01010100 11100001 00100000 01101100 01101111 01110101 01100011 01101111 00100001 00100000 01010011 01100101 00100000 01100001 00100000 01100111 01100101 01101110 01110100 01100101 00100000 01101110 11100011 01101111 00100000 01100111 01100001 01101110 01101000 01100001 01110010 00100000 01100100 01101111 00100000 01000011 01010011 01000001 00101100 00100000 01110000 01100101 01101100 01101111 00100000 01100001 01101101 01101111 01110010 00100000 01100100 01100101 00100000 01000100 01100101 01110101 01110011 00101110 00100000 01010000 11110100 00101100 00100000 01100110 01100001 01111010 00100000 01100101 01110011 01110011 01100101 00100000 01100101 01110011 01100110 01101111 01110010 11100111 01101111 00100000 01110000 01100001 01110010 01100001 00100000 01100001 00100000 01100111 01100101 01101110 01110100 01100101 00100000 01100001 11101101 00101100 00100000 01100001 01110100 11101001 00100000 01110001 01110101 01101001 01101110 01110100 01100001 00101101 01100110 01100101 01101001 01110010 01100001 00101100 00100000 01110100 01100101 01101110 01110100 01100001 01110010 00100000 01100001 01100011 01100101 01110010 01110100 01100001 01110010 00100000 01100101 01110011 01110011 01100101 01110011 00100000 00110110 00110000 00100101 00100000 01110001 01110101 01100101 00100000 01100101 01110011 01110100 11100011 01101111 00100000 01100001 01110100 01110010 01100001 01110011 01100001 01100100 01101111 01110011 00100000 01100100 01101111 00100000 01110011 01100001 01101100 11100001 01110010 01101001 01101111 00101110
Árabe:
قل زيزي ، صباح الخير يا رجل. اسمحوا لي أن أقول لك شيئا. أنا أفكر هنا ، أعلم أنه من الصعب عليك الحصول على الموارد ، وأنا أعلم أنك تعمل خلفها ، لكنني أتحدث عن نفسي ، ولم أتحدث إلى أي شخص ، من الفريق. تعرف على ما إذا كنت لا تستطيع دفع 60٪ على الأقل قبل مباراة يوم الخميس ، والتي لا يجب عليك حتى الفوز بها ، كما تعلمون. إنه دافع إضافي لنا نحن الرجال للحصول على الراتب هناك. ثم لا يتعين عليك الحصول على جائزة للفوز باللعبة ، لأن التزامنا هو الفوز بهذه اللعبة. انه مجنون! إذا لم نفوز على CSA ، من أجل الله. حسنًا ، بذل هذا الجهد من أجلنا ، حتى يوم الخميس ، لمحاولة الوصول إلى نسبة الـ 60٪ التي وراء الراتب.
submitted by bowfex to Copicola [link] [comments]


2019.10.03 18:27 Drowssap145145 Como você pronuncia o "r" na palavra "porta"?

No Brasil parece que existem três formas de falar esse "r": Com o fundo da boca igual no francês, dobrando a língua como no inglês, ou mais na ponta igual italiano/russo.
submitted by Drowssap145145 to brasil [link] [comments]


2019.05.15 05:46 anaveragelittleguy Um manual de RPG batuta e bacana

Manual de Guerra 3.0
Sejam bem-vindos jogadores, bípedes sedentos por aventuras nos mais diversos RPGs, grandes magos medievais, honrosos Samurais. Sejam bem-vindos ao que possivelmente possa ser um manual para RPG, porém, não se trata de um manual medieval, muito menos Cyberpunk, quanto menos Steampunk, estamos falando de Guerra Moderna, dias atuais, dentro da Terceira Guerra Mundial, combate ao terrorismo, tanto faz, se estamos dentro do contexto contemporâneo, esses assuntos podem ser retratados aqui, isso vai depender de vocês e do mestre.
Dentro deste manual vocês vão presenciar muitos (#) e eles servem para explicar quanto para dar dicas de como montar a ficha e até mesmo para o mestre montar a sua narrativa e o jogador o ajudar.
O mestre e o jogador utilizam do mesmo manual, assim, não é preciso que o mestre utilize de outro método para criar sua narrativa e os inimigos e bosses são totalmente feitos dentro deste manual.
Não é necessário conhecer outros tipos de RPGs para jogar este aqui, porém, eu fortemente aconselho que vocês leiam D&D 5.0 e Vampiro a Máscara, ambos vão servir de complemento para a construção do personagem e para a construção da narrativa.
Por enquanto é isso mesmo, fiquem a vontade para utilizar esse manual do jeito que vocês bem entederem, não me interessa o que vocês vão fazer e como vão fazer, eu quero apenas que a comunidade brasileira de RPG continue crescendo.
Este manual não é feito por um profissional e por conta disso haverá inúmeros erros dentro do mesmo.
Nacionalidades/ Classes/ Línguas/ Alfabeto Fonético/ HP/ NP/ NPT/ Codinomes/ Patentes/ Cargos/ Ranking
Nacionalidades- Britânico, Alemão, Austríaco, Suíço, Francês, Belga, Russo
Classes- Soldado, Espião, Cientista, Civil
Línguas-
Inglês
Alemão
Francês
Russo
Há três maneiras de determinar quantas línguas você pode falar:
1: com o valor de inteligência acima de (17)você pode escolher duas línguas
2: quando estiver montando sua ficha, role (1D20), com o resultado (15) você pode escolher uma língua e com o resultado (20) você pode escolher duas línguas
3: com a própria nacionalidade você já possui uma língua própria, porém, você pode conversar com o mestre da partida para você adicionar mais uma língua de escolha

sim, há quatro línguas, porém, nada os impede de usar outros tipos de línguas, fale com seu mestre caso queiram mais línguas

Alfabeto Fonético-
A- Alpha L- Lima W- Whiskey
B- Bravo M- Mike X- X-ray
C- Charlie N- November Y- Yankee
D- Delta O- Oscar Z- Zulu
E- Echo P- Papa
F- Foxtrot Q- Quebec
G- Golf R- Romeo
H- Hotel S- Sierra
I- India T- Tango
J- Juliet U- Uniform
K- Kilo V- Victor
Alfabeto Fonético Alternativo-
A- Apex L- Leader W- Wallace
B- Boomer M- Mace X- Xenon
C- Chaos N- Nomad Y- Yttrium
D- Dagger O- Oxygen Z- Zinc
E- Echo P- Potassium
F- Fallout Q- Qatar
G- Ghost R- Razor
H- Helix S- Storm
I- Ivory T- Taunt
J- Judge U- Unit
K- Kilo V- Vector

aah D-1 seu cafajeste, salafrário e bunda mole, qual é a diferença entre ambos? Nenhuma, ambos são idênticos, eu apenas os coloquei por ter mais uma opção de alfabeto fonético além do convencional.

os jogadores junto ao mestre podem escolher livremente qual é mais útil para ser utilizado, nada os impede de mudarem, pois os mesmos podem ser mudados durante a campanha.

HP-
Soldado: 56
Espião: 46
Cientista: 40
Civil: 36
Nível de Proteção de cada Classe-
Soldado: 7
Espião: 5
Cientista: 4
Civil: 3
Nível de Proteção dos Trajes-
Proteções e Trajes de Combate:
Proteção Sinclair DB9: 7 (soldado)
Traje Denovhan KGB: 4 (soldado)
Traje Selecter S89: 6 (soldado)
Proteção Octopus ZK3: 7 (soldado)
Proteção CS-3: 6 (soldado)
Traje SEVA: 6 (soldado)
Proteção ISG Heavy: 8 (soldado)
Colete Dovarin DPSD: 6 (espião)
Colete Tarvis KGB: 6 (espião)
Traje Leonin MI6: 7 (espião)
Colete Bridian MI5: 6 (espião)
Traje SEVA S.T.A.L.K.E.R: 4 (espião)
Proteção Berill V2: 5 (espião)
Trajes científicos e Roupas de Civis:
Jaleco Branco: 4 (cientista)
Jaleco Negro: 3 (cientista)
Traje Químico: 3 (cientista)
Traje Goulart V2: 5 (cientista)
Traje SEVA Monolith: 5 (cientista)
Traje HEV-33: 7 (cientista)
Traje SEVA Neorus: 6 (cientista)
Roupas de Operário: 3 (civil)
Roupas Comuns: 4 (civil)
Roupas Imundas: 2 (civil)
Traje de Operário: 3 (civil)
Jaqueta de Couro: 3 (civil)
Roupas Ensanguentada: 2 (civil)
Traje Psiquiátrico: 3 (civil)
Codinomes-
Soldado: Alpha, Bravo, Charlie, Nomad, Prophet, Guardian, Project, Tosh, Slash, Roses, Clapton, Berry, Morello, Cobain, Vader, Golden, Eagle, Murk, Skull, Wolfhound, Scarecrow, Bruj, Gangr.
Espião: Goldeneye, Orion, Manhattan, Bond, Slogin, Rlogin, Mesg, Gzip, Umask, Sort, Sync, Crypt, Taskkill, Ipconfig, Hendrix, Darth, Crow, Marked One, Bull, Bond, Malkav.
Cientista: Janus, Kato, O´Hare, Nashville, Win 97, Vista, Mint, Ubuntu, Ozone, Chrono, Galileo, Wyvern, Magneto, Starr, Cavalera, Dexter, Skinflint, Ghost, Smartass, Nosfer, Torea.
Civil: Malmsteen, Osborne, Murray, Lee Hooker, Murdoc, Presley, Mercury, Manson, Wonder, Marley, Bowie, Lemmy, Powell, Paice, Nitro, Hammer, Fang, Father, Treme.

seja criativo, se possível crie seu próprio codinome de guerra, não é necessário conversar com o mestre da campanha para obter um codinome novo, deixe sua criatividade agir.

Patentes-
Soldado:
1 Recruta
2 Cabo
3 Sargento
4 Subtenente
5 Tenente
6 Capitão
7 Major
8 Comandante
9 Coronel
10 General
Espião:
1 Recruta
2 Cabo
3 Espada
4 Sargento
5 Tenente
6 Capitão
7 Comandante
8 Major
9 Brigadeiro
10 Coronel
Como determinar a sua Patente?-
Há duas formas de você determinar a sua patente:
1: Os Soldados determinam a sua Patente com 1D4 e os espiões determinam a sua Patente com 1D6.
2: Durante a Campanha a sua patente será determinada pelo Mestre, mas o player pode optar e conversar com o Mestre sobre a patente e negociar uma Patente maior ou de igual importância.
Cargos-
Cientista:
1 Assistente
2 Curandeiro
3 Clérigo
4 Curandeiro de Guerra
5 Paladino
6 Professor
7 Sacerdote
8 Líder de Pesquisa
9 Doutor
10 Neorus
Como determinar o seu Cargo?-
Há três maneiras de determinar o seu Cargo
1: Cientistas que não estão seguindo uma Build determinam seu Cargo a partir de 1D6, os que estão seguindo Build determinam o seu cargo a partir de 1D4.
2: Durante a Campanha o seu Cargo vai sendo determinado pelo mestre (semelhante ao Soldado), porem, serão os Players que vão negociar o cargo do Cientista.
3: Quanto mais pessoas o Cientista curar ou tratar os ferimentos o mesmo terá 1D10 para subir seu cargo, portanto, acima de 5 o Cientista sobe o cargo e abaixo de 5 se perde um Cargo.
Ranking Civil-
Civil:
1 Operário
2 Infeliz
3 Imundo
4 Esquecido
5 Andarilho
6 Guia
7 Solitário
8 Anônimo
9 G-man
10 Livre
Como determinar seu Ranking Civil?-
Há duas formas de determinar seu Ranking Civil:
1: Quanto mais dinheiro e ganancioso for o Civil, os Players vão determinar o Ranking.
2: O civil pode determinar seu Ranking se possuir Carisma, Lábia e Manipulação acima de 15, obtendo 1D8 para subir de Ranking, acima de 4 o Civil irá subir dois Rankings e Abaixo de 4 o Civil irá retornar para o Ranking de Operário.
Atributos/ Pontos de Distribuição-
Pontos para distribuir: 14, 13, 12, 10, 9, 9, 6
Dinheiro- 3D10
Atributos-
40-39 (+15)
38-37 (+14)
36-35 (+13)
34-33 (+12)
32-31 (+11)
30-29 (+10)
28-27 (+9)
26-25 (+8)
24-23 (+7)
22-21 (+6)
20-19 (+5)
18-17 (+4)
16-15 (+3)
14-13 (+2)
12-11 (+1)
10-9 (+/-0)
8-7 (-1)
6-5 (-2)
4-3 (-3)
2-1 (-4)
0-0 (-5)
O que Levar?/ Habilidades/ Conhecimentos/ Acessórios/ O que Vêm?/ Itens de Cura/ Kits Médicos
O que Levar?-
Soldado:
1 arma branca
1 pistola
1 S/S
(2-5) cartuchos para pistola
(3-10) cartuchos para S/S
2 Anexos
1 Explosivo Comum
1 Explosivo de Controle
0 Armadilhas Comuns
3 Armadilhas Explosivas
1 Item de Cura Comum
1 Item de Cura Avançado
1 Kit médio militar
2 Acessórios
2 Conhecimentos
1 Habilidade (de escolha)
Espião:
1 arma branca
1 pistola
0 S/S
(3-5) cartuchos para pistola
(0-5) cartuchos para S/S
1 Anexo
1 Explosivo Comum
2 Explosivos de Controle
3 Armadilhas Comuns
1 Armadilha Explosiva
1 Item de Cura Comum
0 Item de Cura Avançado
1 Kit médico Comum
2 Acessórios
2 Conhecimentos
2 Habilidades (de escolha)
Cientista
1 arma branca
0 pistola
0 S/S
(0-5) cartuchos para pistola
(0-10) cartuchos para S/S
0 Anexos
0 Explosivos Comuns
0 Explosivos de Controle
2 Armadilhas Comuns
0 Armadilhas Explosivas
2 Itens de Cura Comuns
2 Itens de Cura Avançados
2 Kits médicos Científicos
2 Acessórios
2 Conhecimentos
3 Habilidades (de escolha)
Civil:
1 arma branca
0 pistola
0 S/S
(0-5) cartuchos para pistola
(0-10) cartuchos para S/S
0 Anexos
0 Explosivos Comuns
0 Explosivos de Controle
3 Armadilhas Comuns
3 Armadilhas Explosivas
3 Itens de Cura Comuns
2 Itens de Cura Avançados
0 Kits médicos
2 Acessórios
2 Conhecimentos
2 Habilidades (de escolha)

caso o Player tenha acessórios que possua ganho de itens, esses itens serão adicionados, porém, tenha consciência do acessório que escolheu.

Habilidades/ Conhecimentos-
Sociais:
Negociar
Blefar
Intimidar
Ameaçar
Mentir
Liderar
Acalmar
Irritar
Medicina:
Cura Rápida
Cura Prolongada
Alquimia
Anatomia Mortal
Detecção de Fraquezas
Conhecimento de veneno
Contaminação
Combate:
Socos rápidos
Cortes rápidos
Corte mortal
Frenesi
Morte Silenciosa
Corte Preciso
Corte Mortal
Tiro Concentrado
Tiro Certeiro
CQB
Defensor
Inavsão:
Livre acesso
Decodificar computadores
Trojan
Malware
Spyware
Desbloqueador
Modificar computadores
Modificar Sistema

Caso não tenha entendido o que são os conhecimentos, eles são basicamente as habilidades que você mais usa e que você as mestra de forma que ela tenha mais bônus nas rolagens e durante toda a campanha e sim, cada habilidade que está escrita pode ser um conhecimento. Porém, para atingir o mesmo a habilidade tem que estar acima do nível (5) senão não pode ser considerado um conhecimento.

Acessórios-
Acessórios de sobrevivência:
Lanterna, Bússola, Mapa local, Cantil, Binóculos, Livro de línguas, Caixa Ferramentas, Decodificador, Rádio de mão, Kit de Sobrevivência Médica, Pendrive Trojan, Pendrive Malware, Pendrive Spyware, Celular, Kit de Guerra, Kit de Espionagem e Caixa de upgrade para Trajes.
O que vem em?-
Kit de Sobrevivência Médica
º 2 Remédios
º 2 Aspirinas
º 3 Kits médicos Comuns
º 2 Kits médicos Científicos
º 3 Rações Militares
º 2 Garrafas de Água Potável
º 4 Alimentos Consumíveis
Kit de Guerra:
º 4 Rações Militares
º 2 Aspirinas
º 3 Kits Médicos Militares
º 3 Cartuchos para Pistolas
º 3 Cartuchos para S/S
Kit de Espionagem:
º 2 Rações Militares
º 3 Seringas
º 3 Cartuchos para Pistolas
º 1 Armadilha
º 2 Acessórios de Escolha
Caixa de Ferramentas:
º Formão (1D2)
º Torques (1D6)
º Alicate Universal (1D8)
º Alicate de Crimpar (1D6)
º Alicate de Pressão (1D8)
º Alicate de Bico Fino (1D4)
º Alicate Meia Cana (1D2)
º Alicate de Bico Redondo (1D4)
º Alicate Torquesa (1D2)
º Alicate de Corte Diagonal (1D2)
º Alicate de Descascador de Fios (1D4)
º Chave de Fenda (1D2)
º Chave Phillips (1D4)
º Chave Pozidriv (1D6)
º Chave Torx (1D6)
º Chave Allen (1D4)
º Chave Robertson (1D4)
º Chave Tri Wing (1D4)
º Serra (1D4)
º Serrote (1D4)
º Serra de Arco (1D2)
º Multímetro
º Termômetro (1D2)
º Trena
Itens de Cura-
Itens de cura Comuns:
Água Potável (recupera [+3] HP) (3 usos)
Água com gás (recupera [+4] HP) (2 usos)
Alimento Questionável (recupera [+5] HP) (2 usos)
Alimento Consumível (recupera [+4] HP) (2 usos)
Alimento Congelado (recupera [+2] HP) (5 usos)
Ração Científica (recupera [+5] HP) (4 usos)
Ração Militar (recupera [+6) HP) (3 usos)
Kits médicos:
Kit médico comum (recupera [+10] HP) (2 usos)
Kit médico militar (recupera [+15] HP) (ganho de frenesi por 1 turno, ganhando [+2] de dano para armas brancas) (2 usos)
Kit médico científico (recupera [+20] HP) (retira status negativos) (1 uso)
Itens de cura avançados:
Remédios (recupera [+2] HP) (use com moderação) (3 usos)
Pílulas (recupera [+1] HP) (após tomar mais de [4] pílulas os efeitos de recuperação serão revertidos em dano) (10 usos)
Aspirina (não recupera HP) (ganho de frenesi por 2 turnos, ganhando [+3] de dano com armas brancas e perdendo [-5] HP em cada turno) (2 usos)
Seringa (recupera [+4] HP) (ganho de [+1] HP para cada disparo acertado)
Seringa questionável (recupera [+3] HP) (armas brancas ganham dano venenoso com dano base [+3] por três turnos)
Explosivos/ Armadilhas Comuns e Explosivas/ Trajes/ Armas/ Anexos
Explosivos-
Explosivos comuns:
TNT (10 dano)
Granada de mão (8 dano)
Granada adesiva (7 dano)
Flashbang (1 dano) (perda de [-1] turno do inimigo)
Explosivos de Controle:
C4 (11 dano)
Claymore (10 dano)
Munição de Lançadores-
M203 Bulldog (3 dano)
GP-25 KGB (4 dano)
VH-2 Hawkeye (2 dano)
UBLG 40-A (3 dano)
AG46 VLV (5 dano)
GLX HB6 (4 dano)
20MM CIA (3 dano) (apenas o rifle Daewoo K11 pode utilizar este tipo de munição)
Armadilhas-
Armadilhas Comuns:
Tapete de Pregos (5 dano por turno)
Munição Falsa (0 dano) (o inimigo perderá a arma em que a munição fora colocada)
Kit Médico Mortal (morte após 2 turnos) (permitido o uso após o inimigo estiver com três terços do HP)
Alimento Contaminado (morte após 3 turnos)
Seringa Contaminada (morte após 5 turnos) (o player escolhe a doença em questão)
Armadilhas Explosivas:
Granada Conectada (15 dano)
C4 Conectada (15 dano)
Presente de Ozob (20 dano)
Linha de Fogo (10 dano) (queimaduras durante 4 turnos)
Trajes-
Soldado: Proteção Sinclair DB9 (vantagem: ganho de [+2] cartuchos para S/S) (desvantagem: não poderá carregar explosivos)
Traje Denovhan KGB (vantagem: Shotguns e Submetralhadoras causam [+3] de dano em chefes) (desvantagem: pistolas causam [-3] de dano)
Traje Selecter S89 (vantagem: ganho de [+1] explosivo de escolha) (desvantagem: os usos de explosivos caem para [1 uso])
Proteção Octopus ZK3 (vantagem: Rifles e Pistolas causam [+3] de dano) (desvantagem: perda de [-10] HP)
Traje SEVA (vantagem: Shotguns e Pistolas ganham [+2] em seu dano base) (desvantagem: Rifles e Submetralhadoras perdem [-2] de seu dano base)
Proteção ISG Heavy (vantagem: Rifles de Suporte ganham [+3] de dano) (desvantagem: os Rifles de Precisão perdem [-3] de seu dano base)
Proteção CS-3a (vantagem: Submetralhadoras e Rifles de Precisão ganham [+2] de dano base) (desvantagem: Shotguns e Rilfes de Suporte tem o dano base fixo em [3])
Espião: Colete Dovarin DPSD (vantagem: ganho de [+1] ponto de dano base para qualquer pistola) (desvantagem: o dano base de S/S irá diminuir em [-3])
Colete Tarvis KGB (vantagem: armas brancas causam dano químico com dano base [2]) (desvantagem: não é possível utilizar S/S)
Traje Leonin MI6 (vantagem: Submetralhadoras e Shotguns causam [+1] de dano) (desvantagem: Pistolas e Rifles causam [-3] de dano)
Traje Bridian MI5 (vantagem: o time e o portador ganham [+3] explosivos e [+2] cartuchos para pistola) (desvantagem: o time e o portador perdem a capacidade de carregar Rifles e Shotguns)
Traje SEVA S.T.A.L.K.E.R (vantagem: armas com [1] anexo ganham [+3] de dano) (desvantagem: se esconder e hackear ganham [+3] de dificuldade)
Proteção Berill V2 (vantagem: Submetralhadoras e Armas brancas ganham [+3] de dano e ganham uma rolagem extra) (desvantagem: a rolagem extra terá o resultado dividido por [2])
Cientista: Jaleco Branco (vantagem: todo tipo de item de cura ganhará [+2] pontos de restauro) (desvantagem: perda de [-3] no dano base de todas as armas)
Jaleco Negro (vantagem: ganho de [+10] em testes de invasão e medicina) (desvantagem: perda de [-5] em testes de combate e sociais)
Traje Químico (vantagem: dois kits médicos custam [-1] uso) (desvantagem: não é possível carregar explosivos e armadilhas)
Traje Goulart V2 (vantagem: armas brancas causam dano venenoso com dano base de [4]) (desvantagem: itens de cura perdem [-3] de restauração)
Traje SEVA Monolith (vantagem: total imunidade a qualquer tipo de produto químico) (desvantagem: perda de [-3] em proteção da classe)
Traje SEVA Neorus (vantagem: para cada crítico, os players recuperam [+3] do HP) (desvantagem: para cada erro nas rolagens o portador e o time perdem [-3] do HP)
Traje HEV SSP-33 (vantagem: para cada dano, se recupera [+8] do HP e [+4] do HP dos aliados) (desvantagem: produtos radioativos e químicos causam o dobro de dano, tanto no portador, tanto no time)
Civil: Roupas de Operário (vantagem: conhecimentos e habilidades ganham um nível a mais) (desvantagem: perda de [-4] da sua CA)
Roupas Comuns (vantagem: após derrotar um inimigo de forma silenciosa se recupera [+4] do HP) (desvantagem: para cada erro o time perderá [-4] do HP)
Roupas Imundas (vantagem: para cada boa ação será recompensado com [+10] dinheiros e [+1] item de cura de escolha) (desvantagem: para cada decisão sem organização se perderá [-10] HP)
Jaqueta de Couro (vantagem: se ganha [+5] pontos de EXP ) (desvantagem: todos os testes ganham [+5] de dificuldade)
Traje de Operário (vantagem: ganho de [+3] acessórios de escolha) (desvantagem: não é possível ter mais de [5] conhecimentos)
Roupas Ensanguentada (vantagem: a cada três turnos se recupera [+3] HP) (desvantagem: caso receba dano, se perde todo o HP recuperado)
Traje Psiquiátrico (vantagem: armas brancas recuperam [+3] do HP perdido a cada golpe critico) (desvantagem: para cada erro se perde [-3] do HP)

após o nível (3) o jogador tem a opção de aumentar em (1) ponto os valores do traje, aumentando no bônus da vantagem e a desvantagem.

Após o nível (3)

Não entendeu o Traje Psiquiátrico? vamos imaginar um roupão de moletom, mangas longas e atrelada a cintos.

Armas-
Armas brancas:
Soco Inglês (1D2)
Punhal (1D2)
Faca de Bolso (1D4)
Adaga (1D4)
Adaga das Sombras (1D4)
Canivete Borboleta (1D6)
Faca (1D4)
Karambit (2D6)
Cyclone (1D8)
Baioneta (1D10)
Cutelo (1D6)
Machadinha (1D4)
Machado de Lenhador (1D8)
Martelo (1D6)
Marreta (1D10)
Picareta (1D12)
Pá (1D4)
Pá de Guerra (1D8)
Pistolas:
M1911 (3 dano) (9 balas) (3D3)
M9 (2 dano) (10 balas) (1D10)
HK USP (4 dano) (12 balas) (2D6)
P2000 (2 dano) (10 balas) (1D10)
G18 (3 dano) (12 balas) (2D6)
SIG Sauer P226 C (3 dano) (18 balas) (3D6)
Steyr M9-A1 (4 dano) (8 balas) (1D8)
MP-445 (2 dano) (9 balas) (1D10)
Desert Eagle (4 dano) (8 balas) (2D4)
.38 (4 dano) (6 balas) (1D6)
.44 Magnum (5 dano) (6 balas) (1D6)
Colt Phyton Elite (4 dano) (6 balas) (1D6)
Rhino 60DS (3 dano) (6 balas) (1D6)
S&W M&P R8 (4 dano) (6 balas) (1D6)
Submetralhadoras:
MP5 (5 dano) (30 balas) (3D10)
MP5SD (4 dano) (30 balas) (3D10)
MP7 (5 dano) (22 balas) (4D8)
B&T-MP9 (5 dano) (20 balas) (2D10)
UMP .45 (5 dano) (30 balas) (3D10)
TMP (3 dano) (24 balas) (2D12)
PP2000 (4 dano) (22 balas) (4D8)
P90 (5 dano) (50 balas) (5D10)
CZ Scorpion EVO 3 (5 dano) (30 balas) (3D10)
Vector (4 dano) (24 balas) (3D8)
PDW-R (3 dano) (20 balas) (1D20)
AK-74U (4 dano) (30 balas) (3D10)
SIG MPX SBR (5 dano) (20 balas) (1D20)
Rifles:
AK-47 (4 dano) (30 balas) (3D10)
AKM (5 dano) (30 balas) (3D10)
AK-103 (4 dano) (32 balas) (2D12)
AN-94 (6 dano) (32 balas) (2D16)
AK-12 9 (5 dano) (32 balas) (2D16)
AK-74 (4 dano) (30 balas) (3D10)
AS-VAL (5 dano) (20 balas) (1D20)
OTS-14 Groza (5 dano) (20 balas) (1D20)
M4a1 (4 dano) (30 balas) (3D10)
M16a4 (3 dano) (30 balas) (3D10)
M16a2 (3 dano) (30 balas) (3D10)
AR160 (4 dano) (20 balas) (1D20)
AK 5C (6 dano) (40 balas) (2D20)
Scar-L (5 dano) (20 balas) (1D20)
Scar-H (5 dano) (20 balas) (2D10)
SIG SSG 55C (6 dano) (20 balas) (1D20)
SIG516 (7 dano) (5 dano) (24 balas) (2D12)
SAR-21 (6 dano) (36 balas) (3D6)
ODR-450 (5 dano) (30 dano) (3D10)
FAMAS (5 dano) (30 balas) (3D10)
CZ 805 (6 dano) (30 balas) (3D10)
Steyr AUG (6 dano) (30 balas) (3D10)
FN2000 (5 dano) (32 balas) (2D16)
FN FAL (4 dano) (20 balas) (1D20)
XM8 (5 dano) (32 balas) (2D16)
VH-2 (4 dano) (36 balas) (3D6)
Daewoo K2 (5 dano) (30 balas) (3D10)
Daewoo K11 (6 dano) (36 balas) (3D6)
IMI Tavor Tar-21 (7 dano) (30 balas) (3D10)
IMBEL IA2 (4 dano) (30 balas) (3D10)
IMI Galil (5 dano) (20 balas) (1D20)
HK G36 (6 dano) (30 balas) (3D10)
HK G36K (5 dano) (32 balas) (2D16)
HK G36C (7 dano) (30 balas) (3D10)
HK G38 (5 dano) (30 balas) (3D10)
FAD (4 dano) (22 balas) (4D8)
FA-3 (5 dano) (20 balas) (1D20)
ACR (4 dano) (30 balas) (3D10)
Type 97 (5 dano) (32 balas) (2D16)
SA80 (4 dano) (30 balas) (3D10)
AR2 (6 dano) (32 balas) (2D16)
Rifles de Suporte:
M249 (6 dano) (72 balas) (9D8)
FN M204B (7 dano) (84 balas) (7D6)
FN M249-E2 SAW (5 dano) (72 balas) (9D8)
PKM (8 dano) (100 balas) (1D100)
M60-E4 (7 dano) (100 balas) (1D100)
Type 88 (5 dano) (64 balas) (4D16)
HK MG4KE (6 dano) (100 balas) (1D100)
Rifles de Precisão:
AWP (7 dano) (10 balas) (1D10)
AWM (8 dano) (8 balas) (1D8)
AX308 (5 dano) (6 balas) (1D6)
M14 EBR (8 dano) (10 balas) (1D10)
M40A5 (6 dano) (6 balas) (1D6)
MK. 12 Mod 0 (5 dano) (20 balas) (1D20)
Steyr Scout (6 dano) (12 balas) (1D12)
Alpine TPG-1 (9 dano) (6 balas) (1D6)
Walther WA2000 (7 dano) (12 balas) (1D12)
SV-98 (5 dano) (8 balas) (1D8)
VSS (8 dano) (20 balas) (1D20)
HK PSG-1 (5 dano) (12 balas) (1D12)
M24 (6 dano) (6 balas) (1D6)
M200 (5 dano) (6 balas) (1D6)
SVU (8 dano) (10 balas) (1D10)
Dragunov (7 dano) (12 balas) (1D12)
Barret M82 (4 dano) (10 balas) (1D10)
Barret M95 AMR Bullpup (10 dano) (10 balas) (1D10)
SIG716 DMR (6 dano) (12 balas) (1D12)
AR2 .50 (9 dano) (8 balas) (1D8)
Shotguns:
Spas-12 (8 dano) (10 balas) (1D10)
Spas-15 (6 dano) (20 balas) (1D20)
USAS-12 (8 dano) (12 balas) (2D6)
AA-12 (6 dano) (20 balas) (2D10)
Striker (7 dano) (16 balas) (2D8)
TOZ-194 (5 dano) (8 balas) (1D8)
Jackhammer (6 dano) (20 balas) (1D20)
Saiga (5 dano) (16 balas) (2D8)
Kel-tec (6 dano) (8 balas) (2D4)
VEPR (8 dano) (16 balas) (2D8)
RMB-93 (6 dano) (8 balas) (2D4)
Benelli M4 (5 dano) (6 balas) (1D6)
Mossberg 590 (6 dano) (8 balas) (1D8)
MTs225 (7 dano) (6 balas) (1D6)
Remington 870 (6 dano) (6 balas)
Remington 870 Express Tatical (6 dano) (8 balas) (1D8)
Jail Breaker (7 dano) (12 balas) (1D12)
Cano Duplo (10 dano) (2 balas) (1D2)

Não está encontrando a ODR-450, o nome verdadeiro do rifle é ARFST, eu não corrigi o nome pois eu tenho uma grande dificuldade de falar o nome originale eu decidi deixar o nome ODR-450, caso também não entenda o motivo o Cano Duplo tenha o maior dano do Manual, o motivo é simples e eu posso resumir em uma palavra: DOOM.

Anexos para Armas-
Miras:
EOTech 553 (a dificuldade dada pelo mestre caem em [-5])
ELCAN Specter OS (ao mirar em partes vitais, se ganha [+3] nas rolagens do [D20])
Truglo Red Dot Sight (possível detectar inimigos sem o utilizar de rolagens)
Advanced Assault Scope (inimigos que estejam com a proteção abaixo de {13} se ganha [+2] de dano em partes vitais)
Trijicon ACOG (flashbangs não afetam o portador e ganho de [+3] na rolagem do [D20] para cada tentativa de evasão por flashbangs inimigas)
Hartman MH1 (identificação do sistema respiratório do inimigo com resultado [15] no D20)
MEPRO M21 (identificação do sistema circulatório do inimigo com resultado [18] no D20)
RAMBO SP-6 (Flashbangs causam [-4] de eficiência)
Miras Telescópicas:
Mid-Range Sniper Scope 4.5x (testes de detecção caem em [-3])
Short-Range Sniper Scope 4x (disparos críticos podem ser efetuados no próximo turno do jogador, porém com o dano sem o uso do modificador)
Fast Mid-Range Scope 5x (possível acertar inimigos através de fumaça, areia
Razor HD Gen II (possível identificar Armadilhas Explosivas sem fazer testes)
Schmidt & Bender V2 4.6x Scope (total identificação de rupturas em armaduras pesadas com o resultado [10] no D20)
Bushnell 4x Scope (Possível identificar Armadilhas Comuns sem fazer testes)

apenas em Rifles de Precisão

Silenciadores:
Shared Silencer (a arma do portador e do time ganham [+1] de dano)
Assault Silencer (habilidades e invasão em dois turnos o dano de sua arma de fogo aumenta em [+4])
Tatical Silencer (disparos comuns diminuem em [-1] o NPT do inimigo)
McMillan CS5 Silencer (disparos críticos diminuem [-2] o NP do inimigo)
Lançadores:
GP-25 (família AK) (granadas ganham dano flamejante com o dano base [+3])
40mm UBGL (família AK) (granadas causam o mesmo da Claymore)
HK AG36 (família HK) (aumento de [+4] no raio de explosão das granadas e aumento de [+2] no dano base das granadas e explosivos)
M203 (maioria das armas) (ganho da soma do dano base nas granadas)
GLX 160 (maioria das armas) (granadas causam dano venenoso com dano base [+2])
VH-2 Shared Granade Laucher (família das armas bullpup) (dano crítico com as granadas vão possuir a ação da Flashbang)

há várias armas que não são permitidos lançadores, no entanto, são permitidos outros tipos de anexos. Como por exemplo: Submetralhadoras, Shotguns, Rifles de Precisão, Rifles de Suporte e alguns modelos de Rifles que já tenham lançadores

limite de 1 anexo em sua arma de inicio, após possuir outra arma durante a campanha, se pode colocar 3 anexos nas armas

Lista de Armas que usam Lançadores-
Todas as AKs: GP-25, 40mm UBGL
Todos os Rifles HK: HK AG36
Maioria dos Rifles: M203
Maioria dos Rifles: GLX 160
Maioria dos Filmes Bullpup: VH-2
Lista dos rifles que usam GP-25/ 40mm UBGL:
Lista dos rifles que usam M203:
Lista dos rifles que usam GLX 160:
Lista dos rifles que usam HK AG36:
Lista dos rifles que usam VH-2:

como vocês podem perceber, alguns rifles ficaram fora da lista por conta do modelo e do design.

Upgrades-
Armas Brancas:
1- Ataques furtivos causam (+2) de dano
2- Espiões que utilizam essa arma ganham um ataque extra
3- Golpes críticos com essa arma ganham (+2) de dano
4- Ataques furtivos são considerados críticos como dano total sendo dividido em dois
5- Habilidades de ameaça ganham o dado da arma para ganho de resultado
6- Habilidades de negociação ganham o dado da arma para ganho de resultado
7- Ataques furtivos recuperam (+2) da vida do portador
8- Ataques críticos recuperam (+4) da vida do portador
9- Chefes perdem (-5) de seu dano total ao serem acertados duas vezes
10- Ataques brutais são considerados críticos sem alterações no dano total
11- Ataques brutais em chefes ganham (+3) de dano
12- Ao atacar partes livres sem a proteção do traje, se ganha (+2) de dano
13- Finalizações causam (+4) de dano
14- Golpes críticos, o modificador da picareta e das outras armas do portador passam a ser (x3)
15- Finalizações e golpes comuns causam (+2) de dano
16- Golpes críticos recuperam (+5) do HP do portador e do time
Upgrade para Armas de Fogo:
1- O primeiro disparo não irá contar (Preço: 100)
2- Possível disparar duas vezes, porém, irá gastar as duas balas (Preço: 120)
3- Disparos críticos não irão gastar o cartucho, nem as balas (Preço: 230)
4- Disparos críticos retiram (-3) do NP do inimigo (Preço: 240)
5- O bônus dos silenciadores aumentam em (+1) (Preço: 100)
6- Ganho de (+1) bala mesmo com o cartucho vazio (Preço: 110)
7- O bônus do silenciador aumenta em (+1) quando o portador estiver com um terço do HP (Preço: 130)
8- Ao disparar inúmeras balas as duas últimas ganham (+2) de dano (Preço: 220)
9- Disparos silenciosos causam (+2) de dano e recuperam (+1) de HP (Preço: 170)
10- Disparos conjuntos com o time não gastam as balas (Preço: 160)
11- Disparos silenciosos não precisam de testes (Preço: 190)
12- Durante batalhas contra chefes, seus disparos ganham (+2) de dano (Preço: 300)
13- Disparos críticos causam dano flamejante com dano base de (3) (Preço: 320)
14- Quando o portador estiver em frenesi, a arma ganhará (+2) de dano (Preço: 200)
15- Os bônus das miras holográficas aumentam em (+2) tanto para o portador e para o time (Preço: 340)
16- Disparos silenciosos retiram (-2) do NPT inimigo quando o mesmo estiver em frenesi (Preço: 350)
17- Quando está arma estiver com (5) balas restando, o dano base passa a ser (6 dano) (Preço: 380)
18- enquanto o portador estiver com a metade da vida a arma o dano da arma passará a ser (6 dano) (Preço: 310)
19- Disparos críticos retiram um ponto do NPT do inimigo para ser utilizado na soma de dano (Preço: 290)
20- O valor da sua patente será acrescentado ao dano da sua arma (Preço: 190)
21- Disparos críticos recuperam totalmente o HP (Preço: 500)
22- As cinco primeiras balas não são gastas (Preço: 190)
23- Disparos silenciosos causam (+2) de dano e recuperam (+1) de HP (Preço: 280)
24- As três primeiras balas ganham dano flamejante com dano base em (+3) (Preço: 100)
25- O multiplicador do dano passa a ser (×5) independente do inimigo (Preço: 900)
26- Ao ter o HP abaixo de 20 o portador irá recuperar (+2) do HP para cada bala gasta em todo tipo de inimigo (Preço: 150)
27- Disparos críticos causam (+6) de dano em inimigos com a proteção total em (18) (Preço: 290)
28- O multiplicador do crítico passa a ser (×4) quando o jogador estiver acima do nível (8) (Preço: 4200)
29- Quanto maior for a dificuldade maior será o dano da arma (Preço: 560)
30- Disparos críticos retiram todo NPT do inimigo junto com a metade do HP do mesmo (Preço 3000)

Não é obrigatório ter um upgrade para progredir com o personagem, do mesmo jeito que não é obrigatório ter um anexo, use se quiser e é possível retirar o anexo e o upgrade a qualquer hora, basta apenas falar com o mestre que não vai utilizar upgrade e anexo em sua arma.

Soma de Dano de Armas, Explosivos, Armadilhas e Dano Critico-

a única quantidade que será contada o tempo todo será as balas, de resto não é necessário somar tudo o tempo todo, pelo amor do senhor, NÃO FAÇAM A SOMA O TEMPO TODO BALA POR BALA.

Pistolas:
(5 dano): bala única + modificador de rapidez + bônus do traje (+ anexo + upgrade)= x
(4 dano): bala única + modificador de rapidez + bônus do traje (+ anexo + upgrade)= x
(3 dano): bala única + modificador de rapidez + bônus do traje (+ anexo + upgrade)= x
(2 dano): bala única + modificador de rapidez + bônus do traje (+ anexo + upgrade)=
Submetralhadoras:
(5 dano): bala única + modificador de rapidez + bônus do traje (+ anexo + upgrade)= x
(4 dano): bala única + modificador de rapidez + bônus do traje (+ anexo + upgrade)= x
(3 dano): bala única + modificador de rapidez + bônus do traje (+ anexo + upgrade)= x
Rifles:
(7 dano): bala única + modificador de precisão + bônus do traje (+ anexo + upgrade)= x
(6 dano): bala única + modificador de precisão + bônus do traje (+ anexo + upgrade)= x
(5 dano): bala única + modificador de precisão + bônus do traje (+ anexo + upgrade)= x
(4 dano): bala única + modificador de precisão + bônus do traje (+ anexo + upgrade)= x
(3 dano): bala única + modificador de precisão + bônus do traje (+ anexo + upgrade)= x
Rifles de Suporte:
(8 dano): bala única + modificador de força + bônus do traje (+ anexo + upgrade)= x
(7 dano): bala única + modificador de força + bônus do traje (+ anexo + upgrade)= x
(6 dano): bala única + modificador de força + bônus do traje (+ anexo + upgrade)= x
(5 dano): bala única + modificador de força + bônus do traje (+ anexo + upgrade)= x
Rifles de Precisão:
(10 dano): bala única + modificador de precisão + bônus do traje (+ anexo + upgrade)= x
(9 dano): bala única + modificador de precisão + bônus do traje (+ anexo + upgrade)= x

(8 dano): bala única + modificador de precisão + bônus do traje (+ anexo + upgrade)= x
(7 dano): bala única + modificador de precisão + bônus do traje (+ anexo + upgrade)= x
(6 dano): bala única + modificador de precisão + bônus do traje (+ anexo + upgrade)= x
(5 dano): bala única + modificador de precisão + bônus do traje (+ anexo + upgrade)= x
Shotguns:
(10 dano): bala única + modificador de força + bônus do traje (+ anexo + upgrade)= x
(9 dano): bala única + modificador de força + bônus do traje (+ anexo + upgrade)= x
(8 dano): bala única + modificador de força + bônus do traje (+ anexo + upgrade)= x
(7 dano): bala única + modificador de força + bônus do traje (+ anexo + upgrade)= x
(6 dano): bala única + modificador de força + bônus do traje (+ anexo + upgrade)= x
(5 dano): bala única + modificador de força + bônus do traje (+ anexo + upgrade)= x
Dano Critico-
Pistolas: Dano Base + modificador de rapidez (+ anexo + upgrade) x2
Submetralhadoras: Dano Base + modificador de rapidez (+ anexo + upgrade) x2
Rifles: Dano Base + modificador de precisão + bônus do traje (+ anexo + upgrade) x2
Rifles de Suporte: Dano Base + modificador de força + bônus do traje (+ anexo + upgrade) x2
Rifles de Precisão: Dano Base + modificador de precisão + bônus do traje (+ anexo + upgrade) x2
Shotguns: Dano Base + modificador de força + bônus do traje (+ anexo + upgrade) x2
Soma de dano para armas brancas-
Facas: Dado da Arma + Modificador de Rapidez
Martelos e Marretas: Dado da Arma + Modificador de Força
Picaretas e Pás: Dado da Arma + Modificador de Força
Punhos e Socos Inglês: Dado da arma + Modificador de Rapidez
Explosivos-
TNT: 1D20 + Dano Base + Modificador de Força
Granada: 1D20 + Dano Base
Granada Adesiva: 1D10 + Dano Base
Flash Bang: 1D20 + Dano Base
Explosivos de Controle-
C4: 1D20 + Dano Base
Claymore: 1D20 + Dano Base
Armadilhas-
Tapete de Pregos: 1D20 + Dano Base
Munição Falsa: 1D20 + Dano Base da arma inimiga
Kit Medico Falso: 1D20 + HP do inimigo
Alimento Contaminado: 1D20 + HP do inimigo
Seringa Contaminada: 1D20 + HP do inimigo
Armadilhas Explosivas:
Granada Conectada: 1D10 + Dano Base
C4 Conectada: 1D20 + Dano Base
Presente de Ozob: 1D20 + Dano Base
Linha de Fogo: 1D20 + Dano Base
Dano Crítico para Armadilhas e Explosivos-
Explosivos: 1D20 + Dano Base x3
Armadilhas: 1D20 + Dano Base x2

basicamente a soma será essa, o modificador será aplicado apenas uma vez não sendo necessário somar o modificador toda hora, mesma coisa com o bônus que só será somado uma vez.

Soma de Sociais-
Uso de Sociais: Lábia, Carisma e Manipulação.
Lábia: 1D20 + Modificador de Lábia
Carisma: 1D20 + Modificador de Carisma
Manipulação: 1D20 + Modificador de Manipulação
Mentir: 1D20 + Modificador de Carisma
Irritar: 1D20 + Modificador de Lábia
Acalmar: 1D20 + Modificador de Lábia
Negociar: 1D20 + Modificador de Carisma
Persuadir: 1D20 + Modificador de Carisma
Blefar: 1D20 + Modificador de Lábia
Intimidar: 1D20 + Modificador de Carisma
Liderar: 1D20 + Modificador de Manipulação
Ameaçar: 1D20 + Modificador de Lábia
Soma de Reparo-
Reparo Geral: 1D20 + Dado da Ferramenta
Veículos: 1D20 + Modificador de Força + Dado da Ferramenta
Maquinário Pesado: 1D20 + Modificador de Força + Dado da Ferramenta
Computadores: 1D20 + Modificador de Inteligência + Dado da Ferramenta
Componentes Eletricos e Eletrônicos: 1D20 + Modificador de Inteligência + Dado da Ferramenta
Armas de Fogo: 1D20 + Modificador de Inteligência + Dado da Ferramenta

O que reparo? pois é, reparo, por que não? Afinal ninguém gosta de usar coisas quebradas e eu sei que vão haver mestres que vão querer que os jogadores façam teste de reparo, então, tá aí.

Qual o motivo para utilizar o Modificador de Inteligência para reparar uma arma? você já viu alguem reparar um rifle com um pedaço de madeira e com pedras? (armas medievais não inclusas)

Soma de Invasão-
Hackear: 1D20 + Modificador de Inteligência
Invasão de Sistemas: 1D20 + Modificador de Inteligência
Destruição de Sistemas: 1D20 + Modificador de Inteligência
Extração de Informação: 1D20 + Modificador de Inteligência
Destruição Trojan: 1D20 + Modificador de Inteligência
Destruição Malware: 1D20 + Modificador de Inteligência
Extração Spyware: 1D20 + Modificador de Inteligência
Soma de Cura-
Kit Médico: 1D6 + Valor de Restauração
Kit Médico Militar: 1D10 + Valor de Restauração
Kit Médico Científico: 1D20 + Valor de Restauração

os itens de cura comuns e avançados, o jogador apenas usa, não é necessário somar nada

Tabela de Level UP!-
Nível 2: HP- 2D6 (minimo 4)/ Atributos- 1D6/ Ganho de Uma Habilidade
Nível 3: HP- 1D8 (minimo 3)/ Atributos- 2D4
Nivel 4: HP- 1D10 (minimo 4)/ Atributos- 1D8/ Ganho de Duas Habilidades
Nível 5: HP- 3D4 (minino 4)/ Atributos- 1D10
Nível 6: HP- 2D10 (minimo 5)/ Atributos- 2D6/ Ganho de Duas Habilidades
Nível 7: HP- 1D20 (minimo 4)/ Atributos- 4D4/ Ganho de Uma Habilidade
Nível 8: HP- 3D10 (minimo 5)/ Atributos- 3D6
Nível 9: HP- 2D20 (minimo 4)/ Atributos- 5D4
Nível 10: HP- 10D4 (minimo 4)/ Atributos- 2D20/ Ganho de Três Habilidades

A partir do Nível 10 os dados de vida, atributos e ganhos de habilidades são os mesmos

Tabela de Ganho de Acessórios-
Nível 2: Ganho de 1 Acessório
Nível 3: Ganho de 2 Acessórios
Nível 4: Ganho de 1 Acessório
Nível 5: Ganho de 3 Acessórios
Nível 6: Ganho de 2 Acessórios
Nível 7: Ganho de 1 Acessório
Nível 8: Ganho de 2 Acessórios
Nível 9: Ganho de 2 Acessórios
Nível 10: Ganho de 4 Acessórios

A partir do Nível 11, o jogador irá ganhar um último conhecimento limitando o número de conhecimentos em 19.

submitted by anaveragelittleguy to rpg_brasil [link] [comments]


2019.04.12 17:23 throwaway2629270 Portugueses e a pronúncia russa

Na internet é muito dito que russo é uma língua difícil de aprender logo pela pronúncia difícil e os sons aos que os falantes de inglês não estão habituados.
O russo e o português são muitas vezes comparados por soarem muito parecidos. Eu própria as vezes penso que estou a ouvir alguém a falar português europeu, só depois reparo que não entendo nenhuma palavra.
Sendo assim, alguém com experiência própria saberia dizer se é fácil ou difícil para nós acertar a pronúncia russa?
submitted by throwaway2629270 to portugal [link] [comments]


2019.04.04 13:29 4GameBrasil Paixão nacional? Não, mundial.

Paixão nacional? Não, mundial.
Ah, Rising Force Online. O pináculo da jogatina online na vida de muitas pessoas, a espinha dorsal da 4game no Brasil. Muitas pessoas que tem jogado no nosso servidor já jogam o jogo há anos ou possuem grandes memórias de anos atrás. É um fato que o RF é marcou profundamente a vida de diversos jogadores brasileiros.
Mas e na Rússia? O país sede da 4game é certamente um do mais apaixonados por esse game incrível e é o game há mais tempo no nosso catálogo local. Curioso para saber como o RF impactou alguns jogadores locais eu decidi perguntar a quem mais tem propriedade pra falar do assunto, a nossa equipe.

Lev - Gerente de comunidades
Eu conheci o RF por volta de 2005, eu estava cansado de jogar Lineage e queria experimentar algo novo. Quando eu vi o vídeo promocional eu fiquei doido, comecei a ler tudo o que eu podia sobre o jogo antes de começar a jogar, como na época aqui na Rússia a internet não era muito boa, todos jogavam em Lan-houses, eu não podia desperdiçar meu precioso tempo aprendendo como jogar online. Como o jogo era em inglês na época eu não tinha ninguém para jogar e acabei deixando de lado.
Dois anos depois eu fui pegar meu passe estudantil para o transporte público e no verso estava impresso um anúncio do RF. Na época a Innova já tinha o jogo e ele já estava em russo e com isso eu consegui convencer meu amigos a jogarem comigo, não sei se meus amigos se lembram que fui eu que os apresentei o jogo mas acho que eles deveriam me pagar uma cerveja por isso.

Lev mostrando orgulhosamente o passe estudantil com o qual convenceu os amigos a jogar RF.
Sergey - Suporte técnico
Eu comecei a jogar RF em 2005 em um servidor privado não oficial Russo já que na época não existiam servidores oficiais na Rússia. Eu não consigo contar quantas horas eu gastei no RF; era uma jogatina frenética e eu passava noites a dentro disputando spots de up com a minha guilda.
Alguns anos depois a Innova abriu um servidor de RF e algum tempo depois eu, sabendo tudo do game, fui convidado para trabalhar na empresa. Chegando aqui eu encontrei 7 amigos do RF trabalhando na empresa.
Hoje eu sou a pessoa há mais tempo na equipe, dos 12 anos de RF na Innova, eu trabalho há 11, as outras pessoas da equipe não vão admitir isso mas fui eu que os ensinei tudo o que eles sabem sobre o jogo quando eles começaram a trabalhar aqui.

Eu não tenho legenda pra essa foto aqui. Ajudem-me com legendas nos comentários.
Pavel - Gerente de Projetos
Eu comecei a jogar RF vindo de Ragnarok que eu jogava com meus amigos. Como o servidor era pirata e a Innova estava trazendo o RF para a Rússia, nós queríamos jogar em um servidor oficial. Pouco tempo depois depois eu já era líder da maior guilda de RF da Rússia, a Chaos. Tínhamos por volta de 400 players e era basicamente o servidor inteiro contra nós.
Daí quando eu estava na faculdade, eu tinha acabado de me casar e estava procurando um emprego eu vi um anúncio em um fórum, preenchi o formulário e fui chamado para trabalhar aqui. Eu fui subindo pouco a pouco até me tornar o responsável por todos os nosso servidores de RF.
Hoje em dia eu já não jogo mais, seria muito injusto com a criançada de hoje em dia, os players de hoje não chegam perto do que a gente fazia nos tempos áureos.

Pavel, o boss like a boss.
Dmitry - Modelador 3D
Por volta de 2007 eu jogava com meus amigos um jogo chamado Sphere, foi um dos primeiros se não o primeiro MMO a chegar na Rússia, foi aí que um dos membros da minha guilda falou que havia um MMO melhor e começamos a jogar RF, já no servidor da Innova.
Alguns anos depois, quando eu já tinha parado de jogar e eu estava insatisfeito com o meu emprego, eu era marceneiro, acredita? Então, eu tava insatisfeito e comecei procurar por emprego, na mesma época eu me senti um pouco nostálgico e fui jogar RF novamente, foi aí que eu vi em um fórum que eles estavam com uma vaga aberta para trabalhar aqui.
Eu comecei aqui como suporte. A modelação 3D veio anos depois e começou como hobby, como eu queria trabalhar no desenvolvimento de jogos eu comecei a praticar mais e mais até isso virar exclusivamente a minha função, e hoje eu não consigo me ver fazendo outra coisa.

Dima mostrando orgulhosamente o certificado que o nosso RF ganhou em 2007 por ficar entre os 10 projetos de internet mais interessantes da Rússia.



Pra vocês verem, o RF é realmente um fenômeno em todos os lugares. Contamos aqui um pouco da nossa história com o jogo e agora queremos saber de vocês, qual é a história de vocês com o RF?
submitted by 4GameBrasil to u/4GameBrasil [link] [comments]


2018.12.06 17:08 IvoryAx Conheçam nossa equipe!

Conheçam nossa equipe!
Hey, amigos!
Estivemos ocupados com a atualizaçlão de amanhã, mas decididos escrever esse post para dar uma chance a você de nos conhecer um pouquinho melhor. Nós amamos nossa comunidade (Vamos fazer a #scummunity acontecer eventualmente, espere pra ver) e nós queremos que vocês saibam que nós somos pessoas reais, com rostos, opiniões e não apenas "uma empresa", então esperamos que vocês gostem dessa visão do que é o dia-dia na Gamepires.
Desde que SCUM foi lançado em Early Access, nosso trabalho tem aumentado exponencialmente, então naturalmente tivemos de contratar mais pessoas, mas para fazer isso, nós precisamos primeiro de um escritório maior. Nosso escritório atual é um pequeno apartamento reformado, e apesar de divertido e confortável, por ser pequeno nós não podemos apenas contratar mais pessoas precisamos de uma nova casa! E nós temos - nós encontramos um lugar que atende a todas nossas necessidades. As renovações tem levado mais tempo que o esperado, mas se tudo der certo podemos nos mudar em Janeiro!
Deixe-me apresentar primeiro - Eu sou Tena e sou a gerente de marketing na Gamepires. Isso significa que sou diretamente responsável por todas nossas atividades de marketing, tanto em relação a empresa ou jogo. Trabalho junto com o Josip, nosso gerente de comunidade, o qual é responsável por todas nossas atividades nas redes sociais. Em teoria. Em na prática, é algo como: Josip cria um meme, me envia e pede se é apropriado tweetar. Nove a cada dez vezes não é. Ele tweeta de qualquer forma enquanto ri em sua mesa. O meme é engraçado, então eu deixo passar.

Aqui é um foto do Josip e eu em um jantar na empresa. Eu tweetei essa foto e as pessoas gritaram com a gente que não devíamos estar comendo enquanto o jogo não está pronto. Então ficamos bêbados só pra provocá-los.
Ivona é um dos novos contratados. Ela é uma talentosa artista 2D capaz de criar lindas artes, desde visuais para nossos estandes em exposições, tatuagens para o jogo, artes conceituais, ou memes para o Josip. Nós três juntos somos o The Meme Team(Time do Meme). Ninguém nos chama assim, mas eles irão. Talvez.
Aqui é um foto da Ivona e do Josip se agachando ao estilo russo(pose de quebrada) em frente ao escritório e apenas sendo os fofos que eles são. O motivo do Josip estar em duas fotos nesse post é porque ele veio até minha mesa e disse que queria no mínimo duas fotos. Eu senti pena dele, o cara só quer um pouco de atenção da internet, então eu aceitei.
Ivona responde diretamente ao Pong, nosso diretor criativo. Pong monitora qualquer e toda coisa relacionada a arte ele é a mente por trás de toda direção de arte de SCUM. Ele também tem um senso de humor bem específico, que fica bem óbvio para qualquer pessoa que joga SCUM - pênis, defecar, urinar etc. - isso foi ele, tudo ele. Pong também é a face padrão dos personagens, então não, aquilo não é o Putin, ele apenas se parece com o Putin, mas ele costuma usar uma barba, então não é tão perceptível.

Aqui é o Pong vestido como o Luigi. Eu roubei essa foto no facebook pessoal dele e estou ciente que não é realmente o Luigi. Mas é uma ótima foto, então por que não.
Recentemente foi feito um comentário na nossa comunidade da Steam dizendo que todos nossos personagens eram "russos demais". Bem amiguinho, é porque a maioria deles são escaneamentos de nossas cabeças e nós somos russos da vida real. Desculpa! Nossa segunda face padrão pertence a Švarc. Švarc é um artista 3D e o mais sério de todos nós. Aparentemente, ele também é um ótimo dançarino de salsa e foi assim que ele conheceu sua esposa (ele se casou recentemente, vão dar os parabéns a eles) mas ninguém pode ter certeza disso porque ninguém sequer consegue imaginar ele dançando. Ou sorrindo. Não dá. Ele pode ser um robô até onde sabemos.
\"Hey Švarc, vou tirar uma foto para o post, mas você não pode sorrir porque eu disse pra todo mundo que você nunca sorri.\" \"Oh, okay, claro.\"
Pong e Švarc dividem uma sala com o Iggy. Iggy é oficialmente um animador. Não oficialmente ele também ajuda em cinemáticas e edições de vídeo, e ele também ajuda a administrar a comunidade respondendo a comentários de trolls em nossa página da Steam. Ele também gosta de trollar online, então funciona.

Iggy com seu copo de Natal que ele usa durante todo ano.
Darian também ajuda a administrar a comunidade apesar de ele ser primeiramente um artista 3D. Ele diz que faz isso porque ninguém fala inglês tão bem quanto ele, então ele tem nos feito um favor. Todos nós falamos inglês e ele nem é tão bom assim, mas nós decidimos deixar ele acreditar nisso porque precisamos de toda a ajuda que pudermos ter. Seus hobbies incluem ser o metaleiro do escritório e o sacrificio de cabras bebês ao Satanás à meia-noite.

Darian sacrificando uma jovem virgem a Bafomé durante uma lua cheia recente. Ela não sabe de seu destino, triste.
Darian senta ao lado do Danijel, um ex-entregador que virou artista 3D e que tem como especialidade genitálias. É sério, todas as genitais em SCUM foram feitas por ele, e nós temos uma extensa coleção de fotos para provar isso.

Danijel investigando o sistema reprodutivo feminino para ser um melhor marido pra sua esposa.
Sabe aquele cara que parece um supervilão dos filmes do Jason Statham? Cheio, calvo e assustador? Todo mundo conhece esse cara. Bem, na Gamepires esse cara é o Štimac um ex-arquiteto que se tornou artista 3D. Isso é válido até você falar com ele e então ele te mostrar com entusiasmo uma foto da sua gata, Točkica(Dottie).

Štimac em sua mesa sendo assustador.
Mirko, também um artista 3D, senta perto dele. Ele gosta de se fazer de durão, mas nunca dá certo com ele porque ele nunca consegue dar uma de durão sem rir para salvar sua pele. Ele também tem um gato com nome de garota, Ljubica (Violet), a qual ele adora falar sobre. Monitorando nosso time de 3D temos o Damir. Você pode saber que ele está por perto só de sentir a aura de pai emanando do canto escuro aonde ele senta e de vez em quando diz "HEY!" quando alguém diz um palavrão. As vezes nós falamos bobagens de propósito só pra ele vir falar com a gente porque muitos de nós temos problemas paternais.

Mirko e Damir \"não gostam de ser fotografados\", mas ele vão fazer pose sempre que tiver uma cãmera por perto, mas eles precisam que você saiba que \"não gostam de ser fotografados\".
Nosso cara do som é o Ratko. Ele é o cara que você procura para qualquer coisa relacionada a sons ou música. Sabe o som que seu personagem faz quando caga? Aquilo foi Ratko gravando a si mesmo quando cagava. Nós não brincamos em serviço quando se trata de realismo. De nada!

Ratko e sua Bola Gigante™
Dobrila é nossa nova programadora e uma das três mulheres na Gamepires. E primeira coisa que ela disse para a Ivona e pra mim é que ela não tem costume de ficar com garotas porque na universidade dela a maioria era de garotos. Nós vamos começar a peidar e arrotar alto para fazê-la se sentir melhor, mas Andrej estava passando por perto então não fizemos isso porque não queríamos ter de nos explicar. É que o Andrej também fala MUITO. Oficialmente ele é nosso diretor técnico. não oficialmente é um Xamã. Ele também possui faixa preta e 3º Dan em Taekwondo, então tenha isso em mente da próxima vez que você postar "Esse jogo já era" depois de jogar por 20 minutos.

Mirko e Andrej com seus brinquedos em uma exposição. Mirko ainda não gosta de ser fotografado.
Jesus é o nosso louco. Ontem eu perguntei pra ele porque as pessoas o chama assim e ele disse que é porque faz milagres. Eu acho que ele esperou por anos pra alguém perguntar isso a ele pra que ele pudesse fazer essa piadinha. Ele é obviamente um programador e ninguém sabe seu nome real.

Jesus e seu papai, Deus.
Patrik é um programador e nosso Milenar de Escritório™. Tem outros de nós, mas Patrik é mais um Milenar de Escritório™ à risca. Ele acha que todas nossas piadas são vergonhosas e faz caretas pra gente quando perguntamos o que tem de novo no Snapchat. Ele também faz jogos bonitinhos de plataformas em feiras de jogos indies só pra mostrar o quão Milenar de Escritório™ ele é.

Olha esse milenar sentado fazendo coisas de milenar.
Dini é nosso principal programador o que é ótimo porque significa que ele não tem que falar muito. Seria estranho porque ninguém consegue entender o sotaque dele. Nós todos apenas sorrimos e fazemos sinal com a cabeça varias vezes e então ele faz a mesma coisa. Ele gosta muito de saladas por alguma razão. Nós vemos ele comer saladas todos os dias, mas talvez não consigamos entender isso porque não entendemos ele.

Dini fingindo comer pizza em um sofá. Mas é só pra foto, ele só come saladas.
John é uma pessoa muito misteriosa e ninguém sabe muito sobre ele. Sabemos que ele é um programador senior e que veste muitos suéters. A lenda diz que ele falou uma vez, mas não gostou muito, e então decidiu nunca falar novamente.
Uma foto do John vestindo um suéter e não falando.
Hrco está sempre sorrindo. Não é brincadeira, aquele cara está sempre feliz e nem está usando drogas. Ele trabalha como um animador, mas também ajuda a pedir comida para a equipe, tarefa que ele faz da maneira mais inconveniente e complicada possível. Ele senta ao lado do Bruno, um programador e nosso candidato ao "30 under 30". Ele deve ter algum parentesco com o John porque nunca fala, apesar de que uma vez ele sorriu pra tela do computador.

\"O que nós temos que fazer?\" \"Apenas finjam estar trabalhando.\" \"Nós ESTÁVAMOS trabalhando até você vir aqui.\"
E isso é tudo de nós. Esperamos que tenham gostado de nos conhecer um pouquinho melhor. Obrigado por todo carinho constante de vocês e suporte em tornar possível pra nós fazer o que amamos com todas essas pessoas incríveis todos os dias. Amamos vocês!
Mais uma coisa, esperamos que estejam prontos para a atualização de amanhã e que todos seus itens estejam guardados de maneira segura ou escondidos.
Tchau!
Original post
submitted by IvoryAx to scumbrasil [link] [comments]


2017.09.11 14:50 fidjudisomada [Pre-Match Thread] UEFA Champions League 2017/18, 1.ª Jornada: SL Benfica vs. PFC CSKA Moskva

Sport Lisboa e Benfica vs. PFC Central Sport Club of the Army Moscow

UEFA Champions League 2017/18, 1.ª Jornada

Transmissão

Antevisão

O SL Benfica inicia a sua mais recente campanha na UEFA Champions League com a recepção ao PFC CSKA Moskva, que nos últimos anos se tornou presença assídua na fase de grupos.
A equipa portuguesa ambiciona alcançar a fase a eliminar pela terceira temporada seguida. Já o CSKA não chega lá desde 2011/12, apesar de esta ser a sua quinta época consecutiva na competição.
Jogos anteriores
  • As equipas defrontaram-se nos 16 avos-de-final da Taça UEFA 2004/05, com o CSKA a apurar-se com um resultado total de 3-1, acabando por sagrar-se campeão, após bater o Sporting Clube de Portugal na final realizada em Lisboa.
  • O CSKA venceu por 2-0 na primeira mão, realizada em Krasnodar, graças a golos de Vasili Berezutski (12) e Vágner Love (60). Sergei Ignashevich colocou o CSKA praticamente na eliminatória seguinte quando marcou aos 49 minutos do jogo em Lisboa, com o suplente Azar Karadas a evitar nova derrota do Benfica.
  • As equipas no Estádio do Sport Lisboa e Benfica, a 24 de Fevereiro de 2005, foram as seguintes: Benfica: Quim, Luisão, Petit, Geovanni (Miguel 64), Alcides, Fyssas, Nuno Assis (Karadas 54), Manuel Fernandes, João Pereira, Simão, Nuno Gomes (Mantorras 61). CSKA: Akinfeev, Ignashveich, A Berezutski, V Berezutski, Zhirkov, Rahimić, Odiah (Shershun 72), Aldonin, D Carvalho (Gusev 90+1), Krasić, Vágner Love (Olić 84).
  • Esse continua a ser o único desaire do Benfica em eliminatórias a duas mãos frente a clubes russos nas provas da UEFA, tendo ganho as outras cinco, o mais recente dos quais frente ao FC Zenit, há dois anos.

Retrospectiva

Benfica
  • Vencedor da "dobradinha" em 2016/17, o Benfica está na fase de grupos da UEFA Champions League pela 13ª vez e a oitava consecutiva.
  • O clube lisboeta atingiu os quartos-de-final em 2015/16 e na época passada voltou a ultrapassar a fase de grupos, sendo eliminado pelo Borussia Dortmund nos oitavos-de-final, com um resultado total de 4-1.
  • O triunfo por 1-0 do Benfica sobre o Dortmund na primeira mão dos oitavos-de-final foi o único nos seus últimos quatro jogos europeus, em casa e fora.
  • Na fase de grupos de 2016/17, em casa, o Benfica empatou a um golo com o Beşiktaş JK e venceu o FC Dynamo Kyiv por 1-0. Na última jornada, perdeu por 2-1 com o SSC Napoli, um de apenas dois desaires caseiros nos últimos 11 jogos disputados.
  • A última vez que a equipa lusa defrontou um adversário russo aconteceu em 2015/16, nos oitavos-de-final, quando venceu o Zenit por 1-0 em casa e 2-1 fora.
  • O Benfica somou apenas uma derrota caseira frente a equipas russas (V5 E2), no caso diante do Zenit, por 2-0, na primeira jornada da fase de grupos da UEFA Champions League 2014/15.
CSKA Moscovo
  • O clube moscovita está na fase de grupos pela 11ª vez e a quinta época seguida.
  • O CSKA terminou no último lugar do grupo nas duas campanhas anteriores na UEFA Champions League. Em 2016/17, após se ter apurado automaticamente para a fase de grupos, terminou atrás de AS Monaco FC, Bayer 04 Leverkusen e Tottenham Hotspur FC.
  • No entanto, esta época o CSKA ganhou os quatro jogos europeus já disputados sem sofrer qualquer golo, eliminando AEK Athens FC na terceira pré-eliminatória, com um resultado total de 3-0 (2-0 fora, 1-0 em casa) e BSC Young Boys no "play-off", pelo mesmo resultado (1-0 fora, 2-0 em casa).
  • A vitória por 2-0 em casa do AEK interrompeu uma série de dez jogos europeus seguidos do CSKA sem vencer (E4 D6). Também perdeu seis dos últimos sete jogos europeus fora, contabilizando ainda um empate.
  • O último triunfo fora dos moscovitas na fase de grupos da UEFA Champions League foi frente ao Manchester City FC, por 2-1, a 5 de Novembro de 2014. Desde então, o seu registo fora é de um empate e seis derrotas.
  • O CSKA nunca ganhou em casa de clubes portugueses, tendo somado três derrotas e dois empates. Permaneceu invicto nas três primeiras deslocações mas perdeu as duas mais recentes, ambas por 2-1, frente a FC Porto, nos oitavos-de-final da UEFA Europa League 2010/11, e Sporting, no "play-off" da UEFA Champions League 2015/16.
  • O CSKA conquistou, contudo, o seu único troféu europeu em Portugal e frente a uma equipa portuguesa, quando bateu o Sporting por 3-1 na final de 2005 da Taça UEFA, em Lisboa.
  • O registo global do clube russo frente a equipas da Liga portuguesa é: V3 E3 D5.
  • O CSKA qualificou-se como segundo classificado da Premier League russa em 2016/17.
Ligações entre treinadores e jogadores
  • Viktor Goncharenko orientava o FC BATE Borisov quando o emblema bielorrusso defrontou o Benfica na fase de grupos da UEFA Europa League 2009/10, perdendo por 2-0 fora e por 2-1 em casa.
  • Eliseu foi suplente-utilizado na segunda parte, enquanto Pizzi não saiu do banco de suplentes, quando Portugal venceu a anfitriã Rússia por 1-0 na Taça das Confederações, em Moscovo, a 21 de Junho. Igor Akinfeev, Viktor Vasin e Aleksandr Golovin fizerm parte do "onze" da Rússia.
  • Jonas e Mário Fernandes foram colegas de equipa no Grêmio FBPA entre 2009 e 2011.
  • Alan Dzagoev marcou a Júlio César quando o CSKA perdeu por 3-2 na recepção ao FC Internazionale Milano na fase de grupos da UEFA Champions League 2011/12.
  • Diogo Gonçalves marcou a Pavel Ovchinnikov quando o Benfica venceu por 2-0 no reduto do CSKA nos quartos-de-final da edição anterior da UEFA Youth League.

Factos do jogo

Benfica
  • O clube de Lisboa aponta ao quinto título seguido no campeonato, feito apenas alcançado pelo Porto.
  • O Benfica não perde há 18 jogos de todas as provas desde os 4-0 em Dortmund, a contar para a segunda mão dos oitavos-de-final, a 8 de Março.
  • Um tento da contratação de Verão Haris Seferović ajudou o Benfica a ganhar 3-1 ao Vitória SC, e a conquistar a SuperTaça, a 5 de Agosto. Seferović marcaria ainda nos primeiros três jogos - todos vitórias - dos "encarnados" na Liga, ficando apenas em branco no empate 1-1 na visita ao Rio Ave, a 26 de Agosto.
  • No total, Seferović vai em sete golos pelo clube e selecção em oito encontros esta temporada. Três deles surgiram na Qualificação Europeia para o Campeonato do Mundo - bisou no triunfo da Suíça em casa por 3-0 sobre Andorra, a 31 de Agosto, inaugurando a seguir o marcador na partida em que a Letónia foi batida pelo mesmo resultado três dias depois.
  • Jonas tem sete golos em seis jogos em 2017/18, três deles apontados no triunfo por 5-0 na recepção ao Belenenses, a 19 de Agosto.
  • Alex Grimaldo (ausente desde 5 de Agosto, lesão na perna direita) e Ljubomir Fejsa (14 Agosto, contusão na perna direita) têm estado ausentes.
  • Jardel (lesão muscular) foi substituído frente ao Rio Ave e falhou a recepção ao Portimonense, na sexta-feira.
  • André Almeida, que marcou o golo da vitória (2-1) na sexta-feira, frente ao Portimonense, prolongou o seu contrato em mais dois anos, até 2021, a 11 Agosto.
CSKA
  • Timur Zhamaletdinov, com apenas 20 anos, marcou na sua estreia (jogo completo), dando a vitória ao CSKA frente ao FC Amkar Perm, por 1-0.
  • Todas as derrotas do CSKA esta época foram em casa.
  • A formação do exército russo não perder fora do Stadion CSKA Moskva desde o desaire por 3-1 frente ao Tottenham na sexta jornada da época passada.
  • O defesa-esquerdo Georgi Schennikov marcou três golos nos últimos cinco jogos.

UEFA Champions League: Sabia que?

  • Em 2012/13 o Chelsea tornou-se no primeiro campeão europeu a não ir além da fase de grupos desde o início da UEFA Champions League. (Este registo, assim como outros, inclui as temporadas entre 1999/00 e 2002/03 em que houve duas fases de grupos). Em 1992/93, o Barcelona era detentor da Taça dos Clubes Campeões Europeus e perdeu por 4-3 no conjunto das duas mãos da segunda eliminatória ante o CSKA.
  • Em 2016/17, o Real Madrid tornou-se na primeira equipa a defender com êxito o troféu da UEFA Champions League; o Milan (1989, 1990) tinha sido o último clube a conseguir sagrar-se campeão europeu de clubes em duas épocas consecutivas. Milan (1994, 1995), Ajax (1995, 1996), Juventus (1996, 1997) e Manchester United (2008, 2009) voltaram à final como detentores do troféu, mas perderam os respectivos jogos.
  • O guarda-redes Marco Ballotta, da Lázio, tornou-se no jogador mais velho a participar na UEFA Champions League, ao alinhar na deslocação ao terreno do Real Madrid na 6ª jornada da fase de grupos de 2007/08, com 43 anos de idade e 252 dias. Alessandro Costacurta, do Milan, detém o recorde quanto a jogadores de campo, pois tinha 40 anos e 211 dias quando defrontou o AEK 2006/07.
  • Francesco Totti é o mais velho a ter marcado na prova, aos 38 anos e 59 dias, no empate 1-1 da Roma no terreno do CSKA, a 25 de Novembro de 2014. Ryan Giggs (37 anos e 289 dias) era o anterior detentor da marca.
  • Celestine Babayaro é o mais jovem a ter actuado; tinha 16 anos e 87 dias quando foi titular pelo Anderlecht frente ao Steaua (23/111994). Foi expulso aos 37 minutos.
  • Com 17 anos e 195 dias, Peter Ofori-Quaye é o mais jovem de sempre a ter marcado na UEFA Champions League e fê-lo na vitória do Olympiacos ante o Rosenborg por 5-1 (01/10/1997).
  • Lionel Messi tornou-se no primeiro jogador a marcar cinco golos num jogo no triunfo de 7-1 do Barcelona sobre o Leverkusen, a 7 de Março de 2012, feito igualado por Luiz Adriano, do Shakhtar, que goleou o BATE a 21 de Outubro de 2014, por 7-0. 11 jogadores, incluindo Messi, marcaram quatro tentos num só jogo, mais recentemente Cristiano Ronaldo, do Real Madrid, na 36ª jornada em 2015/16.
  • Cristiano Ronaldo estabeleceu novo recorde na fase de grupos da UEFA Champions League ao marcar 11 golos em 2015/16 - batendo o seu próprio recorde de nove tentos - registo igualado por Luiz Adriano em 2014/15. Zlatan Ibrahimović (2013/14), Ruud van Nistelrooy (2004/05), Filippo Inzaghi e Hernán Crespo (ambos em 2002/03) conseguiram oito remates certeiros.
  • O "hat-trick" de Messi na terceira jornada da fase de grupos de 2016/17 foi o seu sétimo na competição – mais dois do que Ronaldo.
  • O Barcelona terminou como vencedor do respectivo grupo em 18 ocasiões, mais três do que o Real Madrid e quatro relativamente a Manchester United e FC Bayern München.
  • Bayern (entre 2 de Abril de 2013 e 27 de Novembro de 2013) e Real Madrid (entre 23 de Abril de 2014 e 18 de Fevereiro de 2015) detêm o recorde de vitórias seguidas na UEFA Champions League, com dez. O Bayern ultrapassou a anterior marca de nove, estabelecida pelo Barcelona entre 18 de Setembro de 2002 e 18 de Fevereiro de 2003. O Anderlecht soma 12 derrotas consecutivas (entre 10 de Dezembro de 2003 e 23 de Novembro de 2005) e é também recorde da competição.
  • Seis equipas conseguiram seis vitórias seguidas na fase de grupos: Milan (1992/93), Paris Saint-Germain (1994/95), FC Spartak Moskva (1995/96), Barcelona (2002/03, primeira fase de grupos) e Real Madrid (2011/12 e 2014/15).
  • Dezassete equipas não somaram pontos na fase de grupos, mais recentemente o Maccabi Tel-Aviv FC, em 2015/16.
  • O Real Madrid marcou 20 golos na fase de grupos de 2013/14 e igualou o recorde da competição, fixado por Manchester United (1998/99) e Barcelona (2011/12). A equipa da Catalunha marcou 19 tentos na primeira fase de grupos de 1999/2000, número alcançado pelo Real Madrid em 2011/12 e pelo Bayern em 2015/16.
  • Apenas Deportivo (2004/05) e Maccabi Haifa FC (2009/10) não marcaram na fase de grupos.
  • O BATE sofreu 24 golos em 2014/15, novo recorde, que foi igualado pelo Legia Warszawa na quinta jornada em 2016/17. O anterior máximo, 22, pertencia a Dínamo Zagreb (2011/12) e Nordsjælland (2012/13). O Malmö FF sofreu 21 em 2015/16.
  • Nenhuma equipa terminou a fase de grupos da UEFA Champions League sem sofrer golos. Milan (1992/93), Ajax (1995/96), Juventus (1996/97 e 2004/05), Chelsea (2005/06), Liverpool (2005/06), Villarreal (2005/06), Manchester United (2010/11), Mónaco (2014/15) e Paris Saint-Germain (2015/16) sofreram apenas um tento.
  • Antes da vitória por 3-1 sobre o Sporting, na sexta jornada de 2006/07, o Spartak esteve 22 jogos sem vencer, uma marca que o Steaua igualou na sexta jornada de 2013/14.
  • O RSC Anderlecht detém o recorde de mais derrotas consecutivas na prova, desde a fase de grupos até à final, tendo perdido 12 jogos seguidos de Dezembro de 2003 a Novembro de 2005. O GNK Dinamo Zagreb vem logo a seguir com 11 derrotas consecutivas, de Setembro de 2011 a Dezembro de 2012; o desaire da equipa croata na quinta jornada de 2016/17 foi o seu décimo seguido.
  • Seis foi o menor número de pontos com que uma equipa ultrapassou a fase de grupos: o Zenit, em 2013/14 e a AS Roma em 2015/16. Desde que cada vitória passou a valer três pontos, em 1995/96, oito equipas seguiram em frente com sete pontos: Legia (1995/96), Dínamo Kiev (1999/2000), Liverpool (2001/02), Lokomotiv e Juventus, mais tarde finalista (2002/03), Rangers e Bremen (2005/06) e Basileia 1893 (2014/15).
  • O Nápoles não se conseguiu apurar com 12 pontos em 2013/14, o total mais elevado de uma equipa a não ultrapassar a fase de grupos. Dínamo Kiev (1999/2000), Dortmund (2002/03 – ambos na segunda fase de grupos), PSV (2003/04), Olympiacos e Dínamo Kiev (ambos em 2004/05), Bremen (2006/07), Manchester City (2011/12), Chelsea e Cluj (ambos em 2012/13), além de Benfica (2013/14) e FC Porto (2015/16) falharam o acesso aos oitavos-de-final com dez pontos.
  • Apenas duas equipas conquistaram a UEFA Champions League no seu país: Dortmund (1997, final em Munique) e Juventus (1996, final em Roma); o Manchester United FC perdeu a final de 2011 em Londres e, 12 meses volvidos, o FC Bayern München também saiu derrotado no seu estádio, a Fußball Arena München.

#EQUALGAME

Esta semana, os adeptos do futebol que assistam aos jogos da UEFA Champions League no estádios, "on-line" e na televisão irão ter a oportunidade de ver a estreia dos novos anúncios da UEFA RESPECT, denominados #EqualGame. Os anúncios, que contam com a participação de Ada Hegerberg, Lionel Messi, Paul Pogba, Cristiano Ronaldo e vários jogadores amadores, pretendem ao longo da época promover a inclusão, diversidade e acessibilidade no futebol europeu com o lema "Todos têm o direito de desfrutar do futebol, independentemente de quem for, de onde estiver e de como joga". Mais informações sobre a campanha e os anúncios podem ser encontradas no comunicado de imprensa e no "site" da campanha: www.equalgame.com (em inglês).

Conferência de imprensa

RUI VITÓRIA: "ESTAMOS PREPARADOS PORQUE ESTUDÁMOS O CSKA"
Rui Vitória anteviu, esta segunda-feira, o jogo com o CSKA a contar para a 1.ª jornada da fase de grupo da Liga dos Campeões.
“Vamos encontrar um adversário difícil, que tem tido resultados positivos fora de casa. Vai-se apresentar com um bloco de três defesas que passa para cinco, com avançados móveis e vamos ter alguns desafios pela frente. Estamos preparados porque estudámos bem o CSKA. É um adversário forte, mas está perfeitamente identificado. Temos de ser uma equipa concentrada”, começou por analisar.
Instado a comentar se a exibição frente ao Portimonense se ia repetir com o CSKA, o técnico foi taxativo: “Estamos a falar de Liga dos Campeões. É uma realidade diferente do Campeonato. Não podemos colocar tudo dentro do mesmo saco. Todas as equipas do nosso grupo tiveram dificuldades na jornada do respetivo campeonato. Vamos colocar em campo as nossas valências”, assegurou.
Rui Vitória já manifestou satisfação com o plantel à disposição e garantiu que é a pensar nas várias provas em que o Benfica está inserido. “Quando formamos um plantel é para todas as competições. Não digo que é só para o Campeonato. Foi feito dentro das nossas possibilidades e vai estar pronto para os nossos objetivos. Gostava de ter todos os jogadores em pleno, mas a vida das equipas é assim. Por vezes não está um, nasce outro”, frisou.
“VAMOS COLOCAR EM CAMPO AS NOSSAS VALÊNCIAS”
O treinador Benfiquista concordou, ainda, que a experiência adquirida nos últimos dois anos na Champions permite preparar melhor as partidas para esta época. “As nossas vivências vão enriquecendo o grupo. Cada treinador aborda cada jogo olhando ao que tem de fazer, e coloca as suas armas em campo. Foi assim que preparei o primeiro jogo da Champions. Claro que o conhecimento que vamos tendo da competição ajuda a perceber como devemos competir, mas a experiência não garante nada”, vincou.
A filosofia do Benfica é encarar jogo a jogo. Assim sendo, a Liga dos Campeões é a prioridade, mas deixará de ser a partir das 21h30. “A Champions é a prioridade porque é a próxima, segue-se o Campeonato e por aí fora. Depois há Taça da Liga e a Taça de Portugal. É sempre assim, mas cada jogo que faço com o Benfica é para ganhar”, sublinhou.
Na Rússia fala-se em problemas no seio da formação moscovita. Rui Vitória não aprofundou muito o assunto. “O que vejo é que a equipa do CSKA, não a conhecendo por dentro, é uma equipa organizada, sabendo o que que faz em cada jogo, com um misto de jogadores jovens e experientes. Se houve problemas não deram sinais disso”, resumiu.
Já sobre uma eventual estreia de Gabigol pelo Benfica e na Liga milionária, o timoneiro não levantou a ponta do véu: “A estreia de um jogador na Liga dos Campeões é visto de uma forma normal. Todos os nossos jogos são encarados como uma final e temos de dar tudo dentro de campo. Não faço intervenção particular num jogador. Se o Gabriel tiver de jogar, jogará. O importante é que nós entendamos o momento para poder explanar o melhor do seu futebol”, explicou.
ANDRÉ ALMEIDA: "JOGO DIFÍCIL MAS QUEREMOS OS TRÊS PONTOS"
André Almeida marcou presença na sala de conferência de imprensa do Estádio da Luz para lançar o jogo com o CSKA desta terça-feira. O camisola 34 começou por revelar que o grupo está entusiasmado pela estreia nesta edição da Liga dos Campeões.
“O grupo está entusiasmado. É o início de uma competição que todos gostamos de jogar. O grupo é uniforme e complicado. Há boas equipas e bons jogadores. Espero um jogo difícil mas queremos os três pontos”, começou por dizer.
Frente ao Portimonense marcou um grande golo, mas o mais importante foi a equipa. O prémio, esse, estava em casa… “Estou confiante. Foi importante ter ajudado o Benfica a conquistar os três pontos. Tem-se falado do Prémio Puskas, mas não ligo a isso. O meu prémio foi chegar a casa e estar com a minha família”, assumiu.
O grupo A conta com Basileia e Manchester United para além do Benfica e do CSKA. “É um grupo equilibrado, com boas equipas. Vamos ter deslocações complicadas e temos de estar atentos a todos os adversários”, analisou.
Para o jogo de terça-feira, André Almeida deixou uma garantia: “Temos trabalhado bem durante a semana e temos as ideias bem definidas para o jogo. Vamos querer pôr tudo em prática.”

Lista de Convocados

  • Guarda-redes: Bruno Varela e Júlio César;
  • Defesas: Lisandro, Grimaldo, Luisão, Eliseu, André Almeida e Rúben Dias;
  • Médios: Filipe Augusto, Samaris, Zivkovic, Salvio, Pizzi, Cervi e João Carvalho;
  • Avançados: Raúl Jiménez, Jonas, Gabriel Barbosa, Seferović e Rafa.

Boletim Clínico

  • Brevemente

XI Provável

Seferović Jonas
Cervi Pizzi Samaris Salvio
Eliseu Lisandro Luisão (C) Almeida
Varela

Talking Points

  • Qual é a sua previsão sobre o resultado final e os marcadores?
  • Qual é o seu onze inicial, estrutura e dinâmicas preferidos para este jogo?
  • Que jogador ou aspeto do jogo do adversário constitui-se como a maior ameaça para o SL Benfica?
  • Que jogador terá que fazer acontecer, superar-se a si próprio e embalar a equipa para a vitória?
Nota: Este texto foi elaborado recorrendo a informações recolhidas no sítio web da UEFA.
submitted by fidjudisomada to benfica [link] [comments]


2016.10.30 07:15 _lordmodlybutt_ Como e a cultura brasileira?

Ola. Eu sou americano e eu falo um povo de português. Eu gosto muito de falar e conhecer linguajes (falo nativamente inglês e espanhol) pêro aprendo e falo português, francês, e linguaje de senhas para os surdos americanos. Eu quero aprender árabe e russo também. Quero saber como e a cultura brasilina porque eu sou espanhol, mexicano, e um poco africano. Hay muita influência de religion católica? Africana? Como e a comida? Como são os festas? Por favor também dime si eu escrevo o português bem ou mal si você pede.
submitted by _lordmodlybutt_ to Portuguese [link] [comments]


2015.04.15 01:20 russo392 Como aprender uma nova língua?

O título já diz tudo. Bredditors que falam qualquer outra língua, como vocês aprenderam? Sem pagar curso tipo Wizard.
Tenho interesse em aprender alemão ou russo, já tentei algumas vezes, mas nunca sinto que estou tendo progresso e desisto. Aprendi a falar inglês sozinho (igual a muita gente) mas foi um processo demorado é natural, já que nos estámos diariamente expostos a ouvir frases em inglês etc
Quais são as melhores plataformas on-line pra se aprender outra língua? Existe alguma técnica ou detalhe interessante pra se saber?
submitted by russo392 to brasil [link] [comments]